Contratação de peso

Oprah Winfrey vai produzir programas e séries para plataforma da Apple

Divulgação/HFPA

Oprah Winfrey, de 64 anos, recebe prêmio no Globo de Ouro de 2018 pelo conjunto de sua obra - Divulgação/HFPA

Oprah Winfrey, de 64 anos, recebe prêmio no Globo de Ouro de 2018 pelo conjunto de sua obra

REDAÇÃO - Publicado em 15/06/2018, às 15h25

A Apple anunciou na sexta (15) a contratação de Oprah Winfrey. A famosa apresentadora de TV vai fazer programas e séries para a plataforma da empresa. Ela tem experiência atrás das câmeras e sua produtora fabrica atrações como os programas Dr. Phil e The Dr. Oz Show, além de séries como Queen Sugar e Greenleaf, a última disponível na Netflix.

Conhecida por fazer os celulares e computadores mais cobiçados dos mundo, a Apple lançará várias atrações no ano que vem. Para tanto, investe US$ 1 bilhão (R$ 3,7 bilhões). A aquisição de Oprah carimba a seriedade com que a empresa encara esse projeto: ela abocanha mais um nome poderoso em Hollywood, em uma época na qual Netflix e Amazon estão no mercado atrás de grandes produtores.

Em 2011, ano no qual colocou um fim em seu icônico talk show, Oprah fundou um canal próprio, o OWN, que literalmente significa a Rede de Oprah Winfrey. A programação inclui de tudo, desde um novelão que carrega no drama (The Haves and the Have Nots) a uma série elogiada pela crítica, como Queen Sugar, que tem a cineasta indicada ao Oscar Ava Duvernay como showrunner.

A mutilfacetada Oprah também atua atrás das câmeras em longas. Serviu como produtora no aclamado Selma: Uma Luta Pela Igualdade (2014) e no telefilme A Vida Imortal de Henrietta Lacks, da HBO. Fora isso, ela mantém o costume de atuar em suas próprias produções. No Globo de Ouro deste ano, foi homenagenada com um prêmio especial pelo conjunto de sua obra

Time de peso
O investimento da Apple em sua plataforma de streaming é pequeno se comparado ao de suas futuras rivais. É, por exemplo, um oitavo do que a Netflix vai gastar neste ano. Mas os gastos são feitos com precisão cirúrgica. Na semana passada, a empresa encomendou um drama musical de J.J. Abrams, produtor de grande calibre, que assinou Lost (2004-2010) e faz Westworld.

Ele e Oprah reforçam um time de produtores que tem nomes como Steven Spielberg. Um dos diretores mais respeitados de Hollywood, com duas estatuetas do Oscar, ele irá recriar a série Amazing Stories (1985-1987), com a proposta de contar a cada episódio uma história, que pode ir do terror à ficção científica.

A atriz Reese Witherspoon também está na jogada. Há dois anos, ela fundou a produtora Hello Sunshine e já emplacou três séries na Apple, todas inéditas. Uma dessas atrações será protagonizada por ela e por Jennifer Aniston.

A lista de produtores ainda conta com o cineasta M. Night Shyamalan, de Sexto Sentido (1999) e Damien Chazelle, vencedor do Oscar por La La Land (2016).

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Na casa de que famoso você passaria a quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook