Nova novela

Gloria Perez deixa cargo de chefia na Globo e entra na fila de autores das 21h

Divulgação/TV Globo

Gloria Perez estava coordenando as séries da Globo desde o ano passado; agora voltará às novelas - Divulgação/TV Globo

Gloria Perez estava coordenando as séries da Globo desde o ano passado; agora voltará às novelas

ANA CORA LIMA - Publicado em 18/08/2019, às 05h54

Gloria Perez não é mais coordenadora do núcleo de criação de séries da Globo. Em entrevista ao Notícias da TV, a escritora confirmou que deixou o cargo de chefia há um mês e que voltou a entrar na fila dos autores das novelas das nove. Mas ela só vai começar a escrever sua próxima trama em janeiro. Sequer definiu o tema que abordará. "Não tenho ideia nenhuma."

"Pedi alguns meses de férias para limpar a cabeça e poder pensar em algo. Tenho algumas coisas em mente, algumas imaginações, mas nada de concreto por enquanto. Mas estou na fila dos autores das próximas novelas das 21h e acredito que devo estrear no primeiro semestre de 2021", adiantou ela.

Em março do ano passado, Gloria foi anunciada como braço direito do diretor de dramaturgia da Globo, Silvio de Abreu, para coordenar a Casa dos Roteiristas, criada pela emissora um ano antes, com a finalidade de desenvolver projetos de séries.

Ela estava à frente de quatro produções que fazem parte dos planos da emissora: Os Experientes; Fogo Negro; Eu, Minha Avó e a Boi; e Filhas de Eva. Paralelamente, a autora também estava supervisionando um texto que a autora Alessandra Poggi prepara para o horário da faixa mais nobre da Globo.

"Passei o último ano ajudando o Silvio [de Abreu]. Estava organizando as séries, mas já não estou mais no cargo. Saí porque não é a minha função. Eu sou escritora e preferi deixar a chefia para descansar a cabeça e apresentar um projeto", disse.

A Globo confirmou a saída da autora do cargo de chefia. "Após fazer a supervisão e mentoria da novela de Alessandra Poggi, Gloria Perez se dedicará à criação de uma nova sinopse de sua autoria para o horário nobre", informou por meio de nota.

Supervisão é difícil

Aos 70 anos de idade, com 40 de Globo, Gloria não escondeu que a experiência de supervisionar um texto é complicada. "Na supervisão, você lida com a imaginação do outro autor, acompanha o processo criativo e precisa respeitá-lo. Não pode impor seu estilo e sua imaginação no texto do colega", explicou.

"Fiz a supervisão da novela da Alessandra, que já está lá pronta e prevista para o ano que vem. E ela já está escrevendo até outra história. Agora chegou a hora de pensar na minha novela, na minha sinopse", resumiu.

Gloria também comentou o sucesso atual de A Dona do Pedaço. "Claro que eu fico feliz com o sucesso de um colega, de uma novela na emissora em que eu trabalho. Eu sempre falo que, enquanto tiver uma boa história contada, sempre existirá pessoas para ouvi-la. Quem não se interessa por uma boa história nesse mundo? Estamos todos felicíssimos com a trama do Walcyr Carrasco", finalizou.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Quem é o personagem mais trouxa da TV?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook