Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

FINAL DA TAÇA RIO

Globo rebate Flamengo e nega atrito com Fluminense para transmissão do Carioca

MARCELO CORTES/FLAMENGO

O atacante Gabigol fecha a boca com as duas mãos em jogo do Flamengo

Gabigol em jogo do Flamengo; final da Taça Rio causou uma guerra nos bastidores do futebol carioca

VINÍCIUS ANDRADE

Publicado em 8/7/2020 - 20h25

Citada pelo Flamengo na guerra pela transmissão da final da Taça Rio nesta quarta-feira (8), a Globo divulgou uma nota para esclarecer que não tem divergências com o Fluminense. A emissora explicou que já havia liberado o Tricolor para exibir o jogo do Campeonato Carioca no momento em que abriu mão dos direitos da competição.

"Em relação à ação julgada hoje (8) pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD), que estabeleceu mando compartilhado da final da Taça Rio, a Globo esclarece que na segunda-feira, dia 6, após o sorteio que definiu o Fluminense como mandante da final da Taça Rio, o clube consultou a Globo para se certificar de que não havia impedimento para uma transmissão da partida pela FluTV", avisou a Globo.

"A Globo reiterou que o contrato que tinha com a Ferj [Federação Estadual do Rio de Janeiro] e os clubes, relativo ao Campeonato Carioca, já havia sido rescindido por quebra de exclusividade. Portanto, o clube estaria livre para transmitir os jogos em plataforma própria ou autorizar a transmissão por terceiros, segundo prevê a MP 984/20, que garante o direito ao mandante da partida", defendeu a emissora.

Mais cedo, ao se manifestar sobre a decisão do TJD de compartilhar o mando de campo, o Flamengo mencionou uma disputa do Fluminense com a Globo, que não existe, e se disponilizou para fazer uma transmissão em parceria com o rival no YouTube.

"Apesar desta decisão favorável [da Justiça], o Flamengo, seguindo o que preconiza a MP 984, que garante que o direito de transmissão é do clube mandante, informa que só exercerá o direito conseguido no TJD caso o imbróglio judicial entre o Fluminense e a Rede Globo de Televisão continue e impeça a transmissão do jogo pelas duas instituições", comunicou o clube.

O Fluminense se irritou com o Rubro-Negro. "A ideia de que há qualquer imbróglio entre o Fluminense e o Grupo Globo é mentirosa e deveria compor o rol de investigações da CPI das Fake News. Logo em seguida o Tribunal da Ferj, de forma ilegal, deu a liminar para que o Flamengo descumpra a lei", provocou.

"Agradecemos ao Flamengo, mas nos manteremos dentro da lei. A transmissão cabe ao Fluminense, que a fará e ficamos no aguardo pra ver se o Flamengo cumprirá o que defendeu", ressaltou o clube, informando que espera que o rival não se utilize da decisão de última hora do TJD.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?