Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

DONOS DA BOLA

Abandono de programa após desabafo foi encenação comercial de Neto

REPRODUÇÃO/BAND

O apresentador José Ferreira Neto no cenário do programa Donos da Bola, da Band

Abandono de Neto da apresentação do Donos da Bola foi ação comercial do Instituto Cades

KELLY MIYASHIRO

Publicado em 8/10/2019 - 7h45
Atualizado em 8/10/2019 - 13h23

O desabafo de José Ferreira Neto, mais conhecido como Neto, durante o Donos da Bola de segunda-feira (7) foi uma encenação para divulgar o projeto do Instituto Cades (Cidadania Através do Esporte), que tem como objetivo transformar o futuro de jovens em situação de vulnerabilidade por meio de atividades esportivas. O apresentador da Band explicou a ação comercial durante a edição do esportivo desta terça (8).

Neto abandonou o programa de ontem perto do final, após dizer que estava muito indignado com a desigualdade social. Hoje, o apresentador chamou uma reportagem feita por ele mesmo em uma quadra onde acontece o projeto social. 

Após a exibição, o titular do Donos da Bola disse, mais uma vez, o quanto fica indignado com a desigualdade, e comentou sobre a repercussão nas redes sociais.  "Todo mundo na internet tava falando, mas não pode só falar, tem que fazer também. Confira a plataforma do projeto", acrescentou Neto, que foi garoto-propaganda a pedido da cervejaria Ambev, que apoia o Insituto Cades.

Entenda o caso

Ao voltar do último intervalo do Donos da Bola, o ex-jogador fez um discurso rápido, sem contar a motivação, em que mostrava sua enorme indignação ao ver pessoas sem acesso às mesmas oportunidades que ele. E saiu do cenário em seguida.

"Fico indignado que é a mesma coisa que já vem há muito tempo, das coisas que eu vejo, principalmente vindo aqui do lado, de onde eu moro", começou o apresentador. 

"Eu posso ajudar, eu posso compartilhar, eu posso estar junto com quem quer ajudar e a minha indignação é no farol. É com as pessoas que não têm a possibilidade de ter uma chance na vida, coisa que eu tive, e que muita gente não tem", continuou Neto. Ele reconheceu o privilégio que é ter coisas simples como uma bola de tênis ou de futebol.

"Vendo tudo isso, eu fico indignado. E ficando indignado eu saio do programa", disse o apresentador, saindo. O diretor do programa, então, chamou no microfone do estúdio pelo comentarista Wagner Fernando Velloso, que perguntou o que aconteceu. 

O diretor respondeu em microfone aberto que depois falaria. "Então tá bom. O que nós vamos fazer? Agora eu sou o dono da bola?", perguntou Velloso, assumindo a apresentação nos minutos finais do programa. 

Notícias da TV entrou em contato com o apresentador Neto, mas não obteve retorno. A assessoria da Band também foi procurada, mas também não se manifestou a respeito da ação de marketing.

Confira o momento em que Neto abandonou o Donos da Bola na segunda-feira (7):

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você acha que a Globo deu um tiro no pé em reprisar uma novela tão recente como A Força do Querer?

Sim, 2017 é logo ali
21.50%
Não, a novela merece ganhar esse espaço atual
18.71%
Vacilaram, tinham outras opções
42.04%
Não vejo, não sou capaz de opinar
17.76%