Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

JOGOS NO JAPÃO

De Everaldo Marques a Daiane: Cinco destaques das Olimpíadas de Tóquio na TV

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Daiane dos Santos com uma blusa azul, saia marrom e as mãos juntas, nos estúdios da Globo para a transmissão dos Jogos Olímpicos de Tóquio

Daiane dos Santos discursou e se emocionou com a medalha de prata de Rebeca Andrade na Globo

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 31/7/2021 - 6h40

Principal atração esportiva da televisão nos últimos dez dias, os Jogos Olímpicos de Tóquio estão mobilizando a audiência --pelo menos até 8 de agosto, quando a acaba oficialmente a competição mundial. No Brasil, os telespectadores acompanham os jogos na Globo, SporTV e BandSports, e alguns nomes já se destacam nas transmissões.

Seja pela inspiração em uma narração ou pelos comentários certeiros sobre esportes que não são tão acompanhados assim pelo público brasileiro, comentaristas e narradores têm feito bons trabalhos e agradado aos telespectadores.

O Notícias da TV analisou este cenário e mostra cinco destaques das transmissões esportivas da televisão. Confira a lista, em ordem aleatória:

Everaldo Marques (Globo/SporTV)

O atual campeão de medalhas narradas na televisão, com três (uma de ouro e duas de prata), Everaldo Marques vive grande fase nas transmissões da Globo. Estudioso, conseguiu apresentar de forma muito positiva novos esportes olímpicos para o público. A polêmica sobre usar ou não o famoso bordão "você é ridículo!" em TV aberta pouco importou. Marques mostrou que é preparado e merecia uma chance. Grande acerto da Globo.

Galvão Bueno (Globo/SporTV)

Galvão ficou fora do ar por causa da pandemia de Covid-19 durante 14 meses. Por incrível que pareça, a pausa fez bem para ele. O narrador de 71 anos voltou em exuberante fase. Já tinha mostrado isso na Eurocopa, e deixou ainda mais evidente nas Olimpíadas. Empolgado, vibrante e divertido, Galvão se renovou. Não é à toa que conseguiu ganhar as redes sociais. Quem não gosta de Galvão, agora, paga mico. É cringe.

Karen Jonz (Globo/SporTV)

Só por seu currículo, Karen Jonz já seria a pessoa certa para comentar skate nos Jogos Olímpicos. A skatista de 35 anos foi a primeira mulher brasileira a se tornar campeã mundial de skate vertical. Ela também conquistou o primeiro ouro brasileiro feminino nos X Games. Mas, além disso, Karen "entregou tudo", como dizem nas redes sociais. Foi sagaz, divertida, brincalhona, falou o que queria e até o que não poderia. Fora do padrão do que a TV esportiva costuma mostrar, a skatista mandou muito bem.

Glenda Kozlowski (BandSports)

Em seu primeiro grande evento fora do Grupo Globo, Glenda conseguiu se reinventar. No canal esportivo da Band, tem feito entrevistas muito interessantes com atletas que estão em Tóquio em um modelo bem informal: Glenda se aconchega em um lugar mais calmo com o entrevistado, e ambos conversam sobre a vida, com ela mesma filmando pelo celular. A entrevista com Gabriel Medina, por exemplo, foi excelente. 

Daiane dos Santos (Globo/SporTV)

Ex-ginasta muito consagrada no Brasil, Daiane dos Santos virou grande comentarista na Globo. Em 2016, já mostrava potencial, mas parecia ainda tímida. Em 2021, com Galvão e Diego Hypólito, Daiane se soltou e conseguiu traduzir muito bem movimentos técnicos da ginástica para a TV aberta. Mais do que isso: deu um show de orgulho e humanidade ao comentar a medalha de Rebeca Andrade. Daiane como comentarista é emoção e muita sabedoria.


Leia também

Enquete

Você gostou dos participantes escolhidos para o BBB22?

Web Stories

+
BBB22: Cinco vezes em que Naiara Azevedo atraiu o ranço do público na primeira semanaFaustão na Band abala concorrentes com ibope histórico e equipe provoca RecordAntes da estreia, BBB22 já rendeu treta entre famosos, tentativa de redenção e maisBBB22: Após frustrar público, Globo anuncia participantes nesta sexta-feiraSunga branca, esponjão e recorde no paredão: 10 momentos para o BBB22 tentar superar

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas