Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Fora do SBT

Chapolin é lembrado na Copa do Mundo e emociona ator de Chaves

Divulgação/Fifa

Torcedores mexicanos e brasileiros se vestem como Chapolin antes de jogo da Copa do Mundo - Divulgação/Fifa

Torcedores mexicanos e brasileiros se vestem como Chapolin antes de jogo da Copa do Mundo

PAULO PACHECO

Publicado em 26/6/2014 - 12h17

Fora do ar pelo SBT desde março de 2013, a série mexicana Chapolin tem sido constantemente lembrada por torcedores brasileiros e mexicanos, que vêm ocupando os estádios da Copa do Mundo com roupas e acessórios da produção quarentona, como fantasias e camisetas com o coração amarelo gigante no peito. O gesto emocionou o criador da série, Roberto Gómez Bolaños, mesmo criador do Chaves, segundo seu filho, Roberto Gómez Fernández, e estimulou fãs a protestarem pela volta do seriado ao ar.

"Meu pai está muito emocionado de se ver refletido em seus personagens, principalmente em Chapolin. É motivo de grande orgulho. Apesar da diferença de idiomas, porque os programas são dublados em português, os personagens são praticamente propriedade dos brasileiros. É incrível. Os anos passam e seguem sendo parte importante da programação do Brasil", afirmou o filho do Chaves em entrevista à agência de nonícias mexicana Notimex.

Atualmente, embora os torcedores lembrem com carinho dos personagens de Bolaños, a situação das séries é adversa. Enquanto Chaves é uma das maiores audiências do SBT (em alguns dias, fica atrás somente da novela Chiquititas), Chapolin não tem espaço na programação. Executivos da emissora consideram que Chapolin não faz tanto sucesso nem é capaz de alavancar a audiência como Chaves, usado como curinga em diversos horários.

Revoltados, os fãs fizeram um manifesto contra o SBT, pedindo que a rede tire Chapolin da "geladeira" e tenha o mesmo reconhecimento de Chaves. Segundo o Fã-Clube Chespirito-Brasil, maior grupo de admiradores das séries de Bolaños, as manifestações nos estádios são a maior prova de o super-herói mexicano faz tanto sucesso quanto Chaves.

"Faltam dois meses para que Chaves e Chapolin completem 30 anos de sua primeira exibição no Brasil. O primeiro está aí, todo dia no ar, sendo reprisado à exaustão e com dezenas de episódios ainda engavetados. O segundo, nem sinal de voltar. E o pior: ainda com muitas joias escondidas. Vários episódios não são exibidos há mais de dez anos e há outros tantos ainda inéditos. Chega! Queremos o Chapolin de volta ao ar para comemorar seus 30 anos de Brasil!", publicou o Fã-Clube Chespirito-Brasil em sua página no Facebook.

Enquanto segue encostado no SBT, Chapolin estreará no canal pago Boomerang ao lado de Chaves na próxima terça-feira (1°), às 14h30 e à 0h30. As duas sérias já passaram pelo Cartoon Network e também irão ao ar pelo TBS. A exibição não deverá ter os chamados episódios "perdidos" e "semelhantes", porque o SBT tem preferência.

LEIA TAMBÉM:

Band faz acordo e demite apresentador Luciano Faccioli

'Tinha medo de ser só a Valéria', confessa humorista do Zorra Total

Globo some com Sophie e Daniel de Oliveira para não ofuscar novela

Bombardeado na internet, Huck rebate críticas a quadro de namoro

Para não magoar Fátima Bernardes, Globo barra Encontro aos sábados

Record paga R$ 10 mil por entrevista e usa Russo para atacar a Globo


​► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

Prêmio NTV Melhores do ano

Enquete

Quem foi o melhor ator ou atriz de novela do ano?

Web Stories

+
Mansão nova, presença VIP e publis: Saiba tudo sobre a carreira de Deolane BezerraÚltima temporada de La Casa de Papel: Após o fim, série já tem spin-off confirmadoFicção virou realidade: Casa de Esqueceram de Mim é aberta ao público; veja fotosDivórcio, tragédia e treta: 5 notícias que peões de A Fazenda 13 não sabemJuan Paiva rouba a cena em Um Lugar ao Sol; conheça a história do ator

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas