Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

NATALIA TEODORO

Apresentadora da Globo é assaltada, e cinegrafista vira refém de sequestro

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Apresentadora Natalia Teodoro no estúdio do Jornal do Amazonas 2ª edição, em Manaus, vestindo uma camisa verde

Natalia Teodoro na apresentação do JAM 2, no Amazonas, no último sábado (31); equipe foi assaltada ontem (2)

KELLY MIYASHIRO

Publicado em 3/9/2019 - 10h17
Atualizado em 3/9/2019 - 10h23

A apresentadora Natalia Teodoro, da afiliada da Globo no Amazonas, foi assaltada nesta segunda-feira (2), em Manaus. Durante uma gravação externa, a equipe da jornalista foi abordada por dois assaltantes, que roubaram dinheiro da titular do Jornal do Amazonas 2ª Edição e da produtora Camila Romano. Os bandidos ainda levaram o cinegrafista Fabrício Costa de refém, e o obrigaram a ajudar na fuga.

A equipe produzia uma reportagem na Rua Lírio das Antilhas, na nona Norte de Manaus, no momento do assalto. Os criminosos mandaram as duas jornalistas a descerem do carro e entregarem seus pertences, deixando apenas o repórter cinematográfico para trás.

Os bandidos, então, obrigaram Fabrício Costa a dirigir o veículo do Jornalismo da Globo até o bairro São José, na zona leste da capital amazonense, onde desembarcaram. Eles também levaram o dinheiro do cinegrafista.

O 27º Distrito Integrado de Polícia (DIP) de Manaus confirmou o registro da ocorrência ao Notícias da TV e que ninguém ficou ferido. Ainda de acordo com a polícia, os assaltantes não foram identificados e, até o momento, nenhum suspeito foi preso.

Ontem (2), Natalia Teodoro não apresentou o JAM 2, e foi substituída por Luana Borba. Até a publicação desta reportagem, a Globo não se manifestou sobre o ocorrido.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?