Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

ALEXANDRE MOTA

Apresentador da Record de Cuiabá está na UTI com 70% do pulmão comprometido

REPRODUÇÃO/TV VILA REAL

Alexandre Mota aponta o dedo para a câmera e faz cara de sério apresentando seu programa na Record de Cuiabá

Alexandre Mota no comando do Balanço Geral de Cuiabá; apresentador está internado em estado grave

GABRIEL PERLINE

Publicado em 7/7/2020 - 19h53

É grave o estado de saúde de Alexandre Mota, apresentador do Balanço Geral de Cuiabá, exibido pela TV Vila Real, afiliada da Record no Mato Grosso. Ele contraiu a Covid-19 e está internado na UTI do Hospital São Mateus desde sexta-feira (3) com 70% de seu pulmão comprometido em decorrência do agravamento da doença.

As informações foram confirmadas pela TV Vila Real ao Notícias da TV. Antes de dar entrada no hospital, Alexandre fez uso de antibióticos e estava afastado do trabalho. Mas a medicação não surtiu efeito e agravou seu quadro, obrigando sua internação.

Antes de dar entrada na UTI, o apresentador ficou durante algumas horas internado no leito da enfermaria. Mas a infecção se agravou e ele precisou de um acompanhamento mais dedicado.

Embora tenha 48 anos de idade, Mota pertence ao grupo de risco do novo coronavírus. Ele é obeso e sofre de problemas respiratórios agudos.

Séfora Fernanda Mota, mulher do apresentador, fez um desabafo nas redes sociais e pediu orações ao marido. Embora o estado seja grave, ela tem esperanças de que Alexandre se recupere da doença.

"A gente tem que seguir na oração e seguir acreditando que ele vai sair, porque eu acredito que ele vai melhorar. Com muita calma e pensamentos positivos, dando muita energia, muita força pra ele. Hoje foi um dia que ele ficou bem debilitado, com a notícia de que está com o pulmão bem comprometido. Mas existem casos de pessoas que se curam mesmo com o comprometimento alto. A única coisa que posso pedir pra vocês é muita oração", desabafou Séfora.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?

Vanessa Giácomo
21.13%
Lucy Alves
16.78%
Rafa Kalimann
12.62%
Isis Valverde
22.07%
Uma atriz desconhecida
27.40%