FIM DE CONTRATO

Após 25 anos de casa e 16 novelas, Carolina Ferraz é dispensada pela Globo

Ramón Vasconcellos/TV Globo

A atriz Carolina Ferraz no lançamento de Haja Coração, seu último trabalho na Globo - Ramón Vasconcellos/TV Globo

A atriz Carolina Ferraz no lançamento de Haja Coração, seu último trabalho na Globo

DANIEL CASTRO - Publicado em 25/07/2017, às 06h21

Atriz do primeiro time da Globo nos últimos 20 anos, desde que despontou em Por Amor (1997), Carolina Ferraz deixará o elenco da emissora em agosto, quando termina seu contrato. Futuramente, ela poderá voltar a trabalhar por obra certa, em que o vínculo dura apenas o período de gravações e de exibição da novela, minissérie ou seriado.

Exclusiva da Globo desde 1992, Carolina é mais uma "vítima" da nova política de banco de talentos da rede, que prioriza manter sob contratos de longo prazo apenas os atores que são constantemente escalados ou que seus executivos não admitem deixar disponíveis para a Record, como Fernanda Montenegro, Cauã Reymond e Mariana Ximenes, entre centenas de outros.

Desde 2015, quando a crise econômica se agravou, dezenas de atores renomados como Carolina Ferraz deixaram de ter contratos de longos com a Globo. Foram os casos, por exemplo, de Maitê Proença, Pedro Paulo Rangel, Pedro Cardoso, Guta Stresser, Priscila Fantin e André Gonçalves.

Isso criou um maior trânsito de profissionais da interpretação entre a Globo e a Record. Joana Fomm, que iria fazer a próxima novela de Aguinaldo Silva, em 2018, acaba de fechar contrato (por obra) com a rede de Edir Macedo para atuar em Apocalipse. Mesmo destino teve Selma Egrei, que brilhou em Velho Chico (2016).

Carolina Ferraz foi contratada pela primeira vez pela Globo há 25 anos, para ser uma das apresentadoras do Fantástico, após passagem pela Manchete. No ano seguinte, estreou nas novelas da emissora, em O Mapa da Mina.

A atriz teve papéis centrais em Pátria Minha (1994) e História de Amor (1995), mas foi em Por Amor que ganhou um novo status. Sua parceria com Du Moscovis na novela de Manoel Carlos deu tão certo que os dois foram escalados para protagonizarem Pecado Capital (1998).

Carolina praticamente atuou em uma novela por ano no início da década passada e voltou a fazer muito sucesso em Belíssima (2005), como uma dona de agência de modelos. Depois de um período sabático, bombou de novo em Beleza Pura (2008). Sua vilã Norma Gusmão emplacou um bordão que até hoje é lembrado nas redes sociais: "Eu sou rica!".

Carolina voltou a ser protagonista em 2011, no remake de O Astro. No ano seguinte, integrou o núcleo cômico de Avenida Brasil. Sua última novela na Globo foi Haja Coração, encerrada no início de novembro passado. 

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Com quem Paloma deve ficar em Bom Sucesso?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook