Hit do Natal

Mais barata, TV de 32 polegadas tem internet lenta e imagem inferior

Reprodução

TVs de 32 polegadas em loja; aparelhos decepcionam consumidor com internet lenta e imagem inferior - Reprodução

TVs de 32 polegadas em loja; aparelhos decepcionam consumidor com internet lenta e imagem inferior

EDUARDO BONJOCH - Publicado em 21/11/2014, às 17h06 - Atualizado em 22/11/2014, às 16h51

Os consumidores estão se decepcionando na hora de comprar uma TV de 32 polegadas com acesso à internet neste final de ano.Os modelos mais baratos apresentam baixa resolução (inferior à full HD) e lentidão para acessar conteúdos da web, mesmo quando a banda larga da casa tem 10 Mbps ou mais. Alguns aparelhos custam menos de R$ 1.000 e não trazem nem mesmo o aplicativo da Netflix, que está entre os mais populares nas TVs conectadas.

Do ponto de vista da qualidade da imagem, a caraterística mais importante é a resolução da TV. Grande parte dos modelos com 32 polegadas é do tipo HD ready, ou simplesmente HD, como costumam chamar os fabricantes. São aparelhos com definição inferior ao padrão full HD.

Para exibir as imagens em alta definição da TV por assinatura, da Netflix e dos discos nlu-ray, por exemplo, essas TVs precisam adaptar o sinal à capacidade máxima de seus painéis, o que resulta em perda da qualidade original. Isso não acontece nas TVs full HD.

TV vira computador

Televisores de 32 polegadas com acesso à web também podem apresentar outras limitações, que não aparecem nos modelos maiores. Alguns fabricantes, como a Semp Toshiba, por exemplo, não incluem o aplicativo da Netflix entre as opções disponíveis para as TVs conectadas desse tamanho, que custam entre R$ 900 e R$ 1.000.

Muitas vezes, o problema está no processador da TV, que não consegue rodar aplicativos mais robustos, independentemente da banda larga da residência. Nesse caso, a limitação não está na rede, mas na TV em si.

O conceito de processador no mundo das TVs equivale ao dos computadores ou smartphones: quanto mais eficiente e moderno, maior a rapidez para abrir páginas da internet e realizar várias tarefas ao mesmo tempo. Na faixa de R$ 1.200 a R$ 1.350, o consumidor encontra televisores de 32 polegadas com processador quad-core, de quatro núcleos; ou dual-core, com dois, que garantem melhor rendimento na execução de vários comandos.

Infelizmente, vários fabricantes não divulgam detalhes do processador da TV, nem mesmo no manual de instruções, o que pode dificultar a comparação direta pelo consumidor. Na dúvida, procure testar rapidamente as TVs conectadas de sua preferência na casa de amigos ou em uma loja com boa conexão de internet. Outra opção é pesquisar depoimentos na web de outros consumidores que adquiriram o mesmo produto.

Assim como o processador, a plataforma de internet também pode variar de acordo com o tamanho da tela. Alguns fabricantes oferecem uma experiência mais simples, com recursos adicionais e a capacidade de navegar pelos aplicativos ao mesmo tempo em que se assiste a um programa de TV, apenas nas telas a partir de 39 ou 40 polegadas.

Compare os modelos

Notícias da TV comparou cinco televisores de LED com 32 polegadas que acessam a internet, destacando seus pontos positivos e negativos. Os produtos foram organizados por preço. A pesquisa aconteceu uma semana antes da Black Friday, marcada para o dia 28. Procurada, a Sony informou que não possui TVs conectadas com esse tamanho de tela. Confira:

TV Semp Toshiba DL3261 (preço: R$ 899)

Pontos positivos: preço atraente; entrada USB para conectar pen drive com fotos, filmes e músicas.

Pontos negativos: resolução HD ready; não inclui aplicativo para Netflix; precisa de acessório para conexão à rede sem fio.

TV LG 32LB580 (preço: R$ 1.100)

Pontos positivos: Wi fi integrado (conexão direta à rede sem fio); busca conteúdo através da voz.

Pontos negativos: resolução HD ready; mais simples e intuitiva, nova plataforma de internet (webOS) só está disponível em telas maiores.

TV Philips 32PFG5509 (preço: R$ 1.200)

Pontos positivos: resolução full HD; processador dual-core; wi fi integrado.

Pontos negativos: câmera para Skype vendida separadamente; falta o recurso Ambilight, que ilumina as paredes de acordo com as cores da imagem.

TV Panasonic TC-32AS600 (preço: R$ 1.200)

Pontos positivos: wi fi integrado; pelo aplicativo Chat Mode, dá para interagir com outros telespectadores via Facebook para comentar um programa que está sendo reproduzido simultaneamente na tela.

Pontos negativos: resolução HD ready; à venda em poucas lojas on-line.

TV Samsung UN32H5550 (preço: R$ 1.350)

Pontos positivos: resolução full HD; processador quad-core; wi fi integrado.

Pontos negativos: não dá para ver simultaneamente conteúdos de TV e internet, como em algumas telas maiores; não oferece comandos de voz e movimento


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Quem é o personagem mais trouxa da TV?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook