Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

QUEIXAS DE BASTIDORES

Figurantes de novela do SBT ficam indignados por passar fome em gravação

REPRODUÇÃO/SBT

Plateia cerca um pequeno palco com quatro pessoas sentadas abaixo do logotipo da novela A Infância de Romeu e Julieta

Elenco e convidados durante o lançamento da novela A Infância de Romeu e Julieta

MÁRCIA PEREIRA, colunista

marcia@noticiadastv.com

Publicado em 4/9/2023 - 7h00

Figurantes estão indignados e acusam o SBT de empobrecer a alimentação oferecida a eles nas gravações da novela A Infância de Romeu e Julieta. Uma externa em Cajamar, na Grande São Paulo, no último dia 11, foi o estopim para que alguns deles desistissem de fazer este tipo de trabalho na emissora de Silvio Santos e denunciassem o caso ao Sated (Sindicato dos Artistas e Técnicos de Espetáculos de Diversões do Estado de São Paulo).

A Comunicação da emissora afirma que as acusações não condizem com a realidade: "Esclarecemos que o SBT não cometeu nenhuma irregularidade em relação à alimentação dos figurantes contratados. Há estrita observância às normas legais e, acima de tudo, às questões éticas que governam todas as nossas relações e operações". Leia a resposta na íntegra no final do texto.

Contratados pela agência Haifa, 60 figurantes foram prestar serviço em uma cena de apresentação de Vera (Bianca Rinaldi) no teatro. Como o trabalho se estenderia até tarde, eles foram informados de que deveriam pegar o transporte para o SBT às 13h na estação do metrô Barra Funda (zona oeste da capital) para almoçar na emissora e fazer a troca de figurino antes das gravações em Cajamar. 

Em vez de almoço, cada figurante recebeu uma caixa com quatro esfihas abertas para comer, sem nada para beber. Um dos profissionais ouvidos pelo Notícias da TV afirma que tinha uma senhora de 70 anos que se sentiu mal porque precisava comer de três em três horas. Outro figurante contou que a situação ficou humilhante apenas neste ano, pois até 2022 isso não ocorria. 

Muitos desses colaboradores fazem figuração todos os dias da semana para diferentes produções. Eles afirmam que, com exceção do SBT, em São Paulo, a maioria das empresas oferece mesa com lanches à disposição, água e café, independentemente do horário de trabalho. Quando se trata de uma diária, em geral, tem almoço à vontade para todos em sistema de self-service.

O caso do dia 11 é apontado como um desrespeito. "Pensa numa pessoa que mora em Suzano [na Grande São Paulo], sai de casa às 10h para ir ao SBT, que só o devolve na Barra Funda às 22h, com quatro esfihas na barriga? É revoltante", diz um figurante, que pede para não ser identificado porque sustenta a sua família com o trabalho de ator.

Entre as queixas, os colaboradores afirmam que no SBT os produtores fazem vaquinha para comprar o pó de café. Por isso, quando os figurantes querem um pouco da bebida, ouvem sonoros nãos. "Antigamente, o kit lanche vinha com uma esfiha fechada, uma Pepsi, uma maçã e um chocolate. Agora, vem um suco e um pão com presunto só", fala um dos ouvidos pela reportagem.

Eles reclamam que na praça de alimentação da emissora, quando têm direito ao vale refeição, só podem pegar uma proteína no bandejão: ovo, omelete ou hambúrguer. Segundo os figurantes, é proibido repetir até o copo de suco.

Nos trabalhos do SBT, eles recebem, em geral, R$ 100 de diária, já em filmes e séries de produtoras o mesmo tipo de função chega a R$ 300 por dia.

Em alguns casos, eles dizem que também não recebem figurino no SBT, e a agência os manda ir com as roupas deles mesmos. Uma outra indignação relatada são de mães de crianças que participam das gravações como figurantes, pois elas levam os filhos e dizem não ter direito ao lanche.

O que diz a Haifa, o Sated e o SBT?

A Haifa foi procurada e enviou a seguinte resposta: "A agência Haifa fornece figuração para o SBT há pouco mais de um ano e dividimos a demanda com mais uma agência. Repassamos as informações aos nossos assistentes de elenco e figuração de acordo com o que é passado pela produção. Sempre que recebemos alguma reclamação, também repassamos para a produção e gerência, para que fiquem cientes, e possamos conversar sobre melhorias".

Os figurantes indicaram que as denúncias foram enviadas ao Sated por meio de Dorberto Carvalho. Mas a secretária-geral da entidade, Gabrielle Araújo, informou o desligamento dele em resposta ao Notícias da TV.

"Nós solicitamos aos denunciantes que façam o registro das denúncias através do e-mail: reclamesatedsp@satedsp.org.br. Esse procedimento é devido à grande quantidade de denúncias. Assim que recebemos através deste e-mail, nossa equipe aciona os responsáveis para que deem as devidas explicações sobre o acontecido e/ou agendamos uma fiscalização in loco, dependendo de cada caso", diz a nota, que continua:

"Os artistas contratados também podem acionar diretamente a Superintendência do Trabalho para realizar a denúncia. Estamos reestruturando a nossa equipe de fiscalização por conta do aumento da demanda e a saída de diretores por conta da divergências com o senhor Dorberto, que passou recentemente por processo de destituição dentro da diretoria."

Leia na íntegra a resposta do SBT: 

"Agradecemos o seu interesse em apurar os fatos com cuidado e respeito. Primeiramente, esclarecemos que o SBT não cometeu nenhuma irregularidade em relação à alimentação dos figurantes contratados. Há estrita observância às normas legais e, acima de tudo, às questões éticas que governam todas as nossas relações e operações, inclusive e não menos importante, o fornecimento de alimentação aos profissionais contratados via agências.

As acusações são infundadas e não condizem com a realidade dos fatos. O SBT, de forma bastante diligente, comunicou previamente à empresa contratada sobre horários para a refeição/almoço, sobretudo, de antemão, considerando que as gravações estavam programadas para início a partir das 15h. O SBT comunicou e alertou que os figurantes deveriam ter comparecido as gravações devidamente alimentados.

Nesse contexto, o SBT adotou as providências imediatas e possíveis para o momento de forma a buscar alternativas satisfatórias. Há ,em nossas dependências, restaurantes independentes que têm limitação no que se refere à quantidade de refeição fornecida e, o mais gravoso, horários fixos para atendimento, razão pela qual a alternativa viável encontrada foi a disponibilização de pizzas/esfihas e bebidas.

Esclarecemos, também, que os figurantes têm à disposição vales fornecidos pelo SBT para que possam usufruir de alimentação completas nas empresas fornecedoras credenciadas, com opções variadas.

De qualquer forma, independentemente dessa questão pontual e que nunca ocorreu no SBT, é praxe que, ao término das gravações, os figurantes e seus acompanhantes recebam um kit lanche, composto por sanduíches, bolo, maçã e suco.

Sobre a alegação de que houve alteração do conteúdo do kit lanche, ajustes são feitos de forma usual --é prerrogativa da empresa alterar a composição/conteúdo dos alimentos fornecidos, o que se dá com o intuito de promover escolhas alimentares mais saudáveis, em consonância com práticas nutricionais benéficas.

Ainda, informamos que o SBT não fornece café para nenhum setor, portanto, inexiste qualquer margem para validação das alegações relacionadas à discriminação ou privilégios.

Certos de que o SBT é uma empresa séria, comprometida e idônea, cumpridora de suas obrigações, informamos que nunca existiu qualquer reclamação similar atribuindo ao SBT negligência em relação ao assunto alimentação. Esperamos ter esclarecido os fatos, afastadas quaisquer dúvidas sobre a conduta da empresa."


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer nas novelas:


Resumos Semanais

Resumo de A Infância de Romeu e Julieta: Capítulos da novela do SBT - 15 a 19/7

Segunda, 15/7 (Capítulo 311)
Sofia é escolhida pelo olheiro de futebol. Dimitri, Ellen, Ian e Nath decifram os códigos do diário de Fausto e descobrem que ele escreveu uma peça teatral sobre o incêndio do passado em Castanheiras. Fred faz ... Continue lendo

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.