Novela das sete

Deus Salve o Rei: Sem sexo, Lucrécia trai Rodolfo com empregado do castelo

Reprodução/TV Globo

Lucrécia (Tatá Werneck) recebe sua primeira aula de pintura com Osiel (Rafael Primot) - Reprodução/TV Globo

Lucrécia (Tatá Werneck) recebe sua primeira aula de pintura com Osiel (Rafael Primot)

REDAÇÃO - Publicado em 09/02/2018, às 06h45

Lucrécia (Tatá Werneck) não suportará a frieza de Rodolfo (Johnny Massaro) após o casamento e o trairá com Osiel (Rafael Primot). A rainha de Montemor, em Deus Salve o Rei, vai beijar o pintor do castelo no impulso, mas se arrependerá. Em seguida, o professor de harpa dela será usado em um plano para provocar ciúme no marido.

Após a lua de mel frustrada, o casamento de Lucrécia e Rodolfo entrará em crise. A ninfomaníaca ficará entediada sem sexo, se encantará pelo artista e invadirá a aula dele para um beijo. Ela ficará culpada, tentará se reaproximar do marido e entrará na tina em que ele estará tomando banho.

O plano não dará certo e o casal ficará entalado na espécie de banheira. Em vez de proporcionar momentos românticos, o máximo que Lucrécia conseguirá será o socorro dos empregados que atenderão aos gritos do rei.

Lucrécia (Tatá Werneck) beija professor de pintura em  Deus Salve o Rei (Foto: Marília Cabral/TV Globo)

A personagem de Tatá Werneck ficará cada vez mais decepcionada, e será a vez de Pietro (Ricardo Monastero) ganhar a atenção dela. "Você viu o alongamento de Pietro? O braço dele ia lá na última corda e voltava, ia e voltava. Que eficiência! Que habilidade com as mãos!", comentará a rainha com Latrine (Julia Guerra).

"Duvido que se Pietro entrasse numa tina comigo, teria cãibra ou dor nas costas. Já para o meu marido, tudo é uma dificuldade: é a água que está quente demais, a lua minguante, o refluxo, a mariposa, o vento, o canto das cotovias, o coaxar dos sapos... E eu, sempre a esperá-lo!", reclamará a majestade.

O silêncio da dama de companhia começará a irritar Lucrécia, que pedirá a opinião dela sobre o que fazer para despertar o interesse de Rodolfo. "Latrine, eu não preciso de uma ama só pra me dizer 'sim, majestade', 'não, majestade'. Quero uma que me apoie, me incentive, me dê conselhos. Uma opinião, que seja. Será que, para apimentar meu casamento, não estaria faltando um novo penteado? Uma viagem juntos, quem sabe?", perguntará a rainha.

"Um concorrente. Um concorrente para o rei. A presença de outro cavalheiro tocado por vossos encantos, majestade. Isto certamente despertaria o ciúme de vosso marido", opinará Latrine.

"Um concorrente? Ciúme? Claro! Eu preciso provocar ciúmes em Rodolfo! Assim, ele se sentirá minimamente ameaçado, e eu valorizada. Mas quem poderia vir a ser este outro cavalheiro?", assuntará Lucrécia. A conselheira sugerirá o professor de harpa.

"Pietro?! Bem, de fato, ele é um homem muito bonito. É um homem elegante, charmoso, alto, tem belos olhos, é forte, educado, talentoso... Pensando bem, eu deveria ter me casado com Pietro", brincará ela. "Pietro servirá perfeitamente a tal propósito", decidirá Lucrécia, no capítulo que irá ao ar na próxima quarta-feira (14).

Últimas de Deus Salve o Rei

Outras novelas

Leia também

 

+ Lidas

Enquete

O novo Vídeo Show tem chance de sucesso?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook