Império

Antes de 'morrer', José Alfredo escolhe Cristina como sucessora

Divulgação/TV Globo

Andreia Horta e Leandra Leal em cena de Império em que Cristina vira executiva da Império Joias - Divulgação/TV Globo

Andreia Horta e Leandra Leal em cena de Império em que Cristina vira executiva da Império Joias

ODARA GALLO - Publicado em 13/11/2014, às 10h52

Depois de virar executiva da Império Joias e fiscalizar as atividades dos filhos de José Alfredo (Alexandre Nero), Cristina (Leandra Leal) será a eleita pelo comendador para ser sua sucessora na empresa. O todo-poderoso, que planeja "morrer", deixará uma procuração para que a suposta filha assuma o comando de seus negócios na novela Império, da Globo, caso ele não "ressuscite" como planejado. "É você quem vai assumir a direção da Império caso eu não possa mais ocupar o cargo", decreta. Após assinar os documentos, José Alfredo exigirá que a própria Cristina dê a informação para a família, que tende a se rebelar com a decisão.

Na sequência, prevista para ir ao ar a partir de 2 de dezembro, haverá um mistério sobre a paternidade de Cristina. O homem de preto chamará a ex-camelô para uma conversa em sua sala, já tarde da noite. Intrigada, ela perguntará qual o assunto da reunião. "Sobre aquele exame de DNA para comprovar se eu era seu pai, e que eu rasguei", ele responde. "Espera aí! Se sabe mesmo o que deu naquele exame de DNA, vai me dizer agora, não é?", questiona ela. "Antes disso, tenho um assunto mais importante pra lhe falar", dirá o comendador.

No capítulo seguinte, a conversa continuará, mas sem uma resposta clara sobre a paternidade do protagonista. O autor Aguinaldo Silva descreve uma cena em que Cristina ouve José Alfredo falar e se emociona. Ela levanta, se afasta, coloca as mãos no rosto e chora. O comendador abre os braços diante da suposta filha e os dois ficam colados por um tempo. Até que ele a leva para a mesa para que a conversa continue.

José Alfredo fará a proposta: quer que Cristina seja sua procuradora na empresa, mas ela titubeia. "O senhor não pode estar falando sério. Eu mal acabei de entrar aqui, ainda estou me inteirando do funcionamento da empresa, e, depois, tem seus filhos. O José Pedro e a Maria Clara, eles ocupam a diretoria há anos, têm total experiência na Império", argumenta.

O empresário, que não costuma aceitar uma resposta negativa, seguirá tentando convencer Cristina. "Está no seu sangue, Cristina, somado à sua história sofrida, que lhe deu o 'algo mais' que meus filhos, criados feito uns principezinhos mimados, não têm. E por isso é que lhe digo: que é você quem vai assumir a direção da Império caso eu não possa mais ocupar o cargo", dispara.

Mesmo sem o “sim” da moça, ele mostrará que está decidido. “A filha da Eliane, a mulher (emocionado), a filha da mulher que eu mais amei na vida, quer se tornar a toda-poderosa, a mandona absoluta da Império das Joias?", insistirá.

Ela ficará insegura com a responsabilidade que a espera, mas aceitará a proposta: "Eu nunca tive essa ambição, longe disso. Mas se é em nome da minha mãe e do grande amor que vocês tiveram... E em nome do meu pai Evaldo também, que iria ficar muito orgulhoso de mim, eu só posso dizer... que aceito."

O comendador completará dizendo que ela é quem dará a notícia para a família, caso tenha a necessidade de assumir a direção da empresa. "Mas só vai ter que dizer se for mesmo necessário, caso... caso aconteça alguma coisa comigo", explicará. "O senhor está querendo mesmo me jogar no fogo, hein?", resmungará a mocinha.

No capítulo previsto para 6 de dezembro, José Alfredo marcará uma reunião com os filhos para se certificar de que ninguém vai atrapalhar a assinatura dos papeis da procuração. Enquanto todos estão à sua espera, ele pedirá que Cristina vá à sua casa. Depois de tudo devidamente assinado, Cristina voltará para a Império e dirá a Maria Marta (Lília Cabral) que tem um recado do comendador.

Criará-se a expectativa de que Cristina contará que agora é procuradora da empresa, mas ela dirá apenas que ele cancelou a reunião. A matriarca ficará uma fera: "Não acredito! Esse tempo todo pra falar isso? Ela quer fazer a gente de palhaço, é isso?".

Quando Cristina vai embora, Marta e os filhos tentam entender o real motivo daquela reunião que não aconteceu. “O pai nos convoca pruma reunião, nos deixa aqui plantados, esperando, e some”, refletirá Maria Clara (Andreia Horta). “Posso arriscar um palpite? Porque o comendador queria estar certo de que a gente continuava aqui esperando, enquanto ele fazia alguma coisa de muito especial... e secreta”, conclui, certeiro, João Pedro (Caio Blat).


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu casal favorito no Power Couple?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook