Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

ALUCICRAZY

Aguinaldo Silva confirma volta de Nazaré Tedesco em próxima novela

Divulgação/TV Globo

Nazaré Tedesco (Renata Sorrah) em cena clássica da reta final de Senhora do Destino - Divulgação/TV Globo

Nazaré Tedesco (Renata Sorrah) em cena clássica da reta final de Senhora do Destino

REDAÇÃO

Publicado em 5/11/2017 - 7h41

Sucesso em Senhora do Destino (2004), a vilã Nazaré Tedesco estará de volta na novela das 21h que Aguinaldo Silva prepara para o segundo semestre de 2018 na Globo. A personagem vivida por Renata Sorrah tinha seu retorno previsto para O Sétimo Guardião, obra que acabou cancelada para evitar problemas com uma disputa autoral. Mas o autor deu um jeito de mantê-la uma nova história que irá apresentar à Globo nos próximos dias.

"E a Nazaré? Com a mudança de novela, volta ou não volta? Claro que volta. Eu não seria quem sou se deixasse minha vilã-mor de fora", escreveu o novelista em seu perfil no Twitter na manhã deste domingo (5).

Nas poucas pistas que havia dado sobre a volta de Nazaré em O Sétimo Guardião, Silva revelou que ela seria um transexual _no embalo do sucesso de Ivan (Carol Duarte) em A Força do Querer. "Vamos virar essa página dos transexuais coitadinhos? Estou louco para ver uma trans que seja poderosa e apronte pra caramba. Vem, Nazaré!", publicou ele.

Em entrevista à Folha de S.Paulo em março deste ano, Renata Sorrah não se mostrou muito disposta a voltar a interpretar a vilã. "A Nazaré é livre, não me pertence mais, tomou seu caminho. Agora, ela anda sozinha", disse. Depois, à revista Claudia, mudou de ideia: "Faço o que o Aguinaldo quiser".

O imbróglio
Inicialmente prevista para estrear no primeiro semestre, a novela O Sétimo Guardião foi adiada por causa de um imbróglio: um aluno que participou da master class promovida por Silva em 2015 acusa o autor de ter se apropriado de uma sinopse elaborada coletivamente pelo grupo.

O escritor Silvio Cerceau exigia que seu nome aparecesse nos créditos de O Sétimo Guardião. Em entrevista ao Notícias da TV, afirmou que poderia até entrar com um pedido de liminar na Justiça pedindo a suspensão da exibição da novela.

Com a confusão, O Sétimo Guardião perdeu o lugar na fila para De Volta Para Casa, de João Emanuel Carneiro, que entrará no lugar de O Outro Lado do Paraíso.

Em junho, antes de ser adiada, a novela correu risco de ser cancelada, porque a Globo exigiu de Silva documentos que assegurassem sua autoria da obra. O autor, então, tratou de apresentar à emissora um novo contrato firmado com os participantes da master class em que eles concordavam com a "cessão de direitos gratuita, total, irrevogável, irretratável e exclusivamente" à Casa Aguinaldo Silva de Artes.

"A minha maior dúvida é por que eu tenho que ceder os direitos de um material do qual sou autor para a Casa Aguinaldo Silva de Artes, que embora tenha seu nome, é de propriedade do senhor Diamantino Francisco Duarte Pinto, mais conhecido como Patrício [assessor pessoal de Silva]. Eu sei quem é essa pessoa, mas eu quero que ela venha a público", questionou Cerceau em entrevista ao Notícias da TV.

Aguinaldo Silva foi notificado extrajudicialmente no início de setembro para prestar esclarecimentos a Silvio Cerceau, que ameaça processá-lo. O escritor diz que cedeu os direitos autorais a Silva, não os patrimoniais. Ou seja, tem o direito de ver seu nome nos créditos da novela como um dos criadores.

Segundo uma fonte na Globo, Silva se encheu dessa polêmica e, depois de emplacar sucessos como Tieta (1989) e Senhora do Destino (2004), não quer se ver sua capacidade criativa questionada na Justiça.

Ele viajou para Portugal para escrever a nova sinopse e se gabou de ter completado o feito em tempo recorde: "Escrevi uma sinopse de 65 páginas em dez dias. Eu avisei, não avisei? Então, para quem não acreditou, repito aqui o aviso: não me desafiem", provocou.

A direção da emissora considerava O Sétimo Guardião uma excelente história, e vários capítulos já tinham sido escritos e entregues por Silva. A Globo manterá seu lugar na fila dos autores, desde que a nova sinopse seja aprovada. Silva tem até a primeira semana de dezembro para apresentar sua nova sugestão.


Outras Novelas

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual reality show você acompanhará após o fim do BBB21?