Cristiane Machado

Juíza condena ex-marido acusado de bater em atriz a pagar indenização milionária

Reprodução/RedeTV!

Cristiane Machado deu entrevista sobre as agressões que sofreu ao Superpop, em 26 de novembro - Reprodução/RedeTV!

Cristiane Machado deu entrevista sobre as agressões que sofreu ao Superpop, em 26 de novembro

REDAÇÃO - Publicado em 10/01/2019, às 12h42

A juíza Rafaella Avila de Souza Tuffy Felippe, do 50ª Vara Cível do Rio de Janeiro, condenou ontem (9) o ex-diplomata Sergio Schiller Thompson-Flores a pagar indenização de R$ 1.200.329,53 a Cristiane Machado. Em outubro, ele foi acusado de agredir a atriz, com quem era casado, com socos, tapas e tentativa de enforcamento. Preso desde 25 de novembro, ele terá de arcar com multas por quebra do contrato de casamento.

Assinado em 31 de julho de 2018, o contrato de casamento de Cristiane e Thompson-Flores dizia que, se uma das partes usasse violência física, psicológica, sexual ou material contra a outra, deveria pagar multa de R$ 400 mil, mais uma indenização de danos morais equivalentes a 200 salários mínimos no valor vigente na época da quebra de contrato. 

Cristiane conseguiu provar as agressões que sofreu de Thompson-Flores por meio de fotos de hematomas pelo corpo e vídeos que gravou com uma câmera escondida em sua casa. As cenas, exibidas pelo Fantástico, na Globo, mostraram a atriz sendo espancada, levando tapas, empurrões e sofrendo até tentativas de enforcamento.

Só essa quebra de contrato já geraria um débito de R$ 590.800, mas o advogado de defesa da atriz, Sylvio Guerra, alegou que Thompson-Flores também descumpriu outra cláusula. O contrato de casamento previa a compra de um imóvel, pelo marido, avaliado em R$ 800 mil. Em caso de separação, ele deveria pagar à mulher o valor de R$ 600 mil.

Assim, de acordo com decreto da juíza, Thompson-Flores deverá arcar com a indenização de R$ 1.200.329,53. Se não realizar o pagamento, poderá ter bens e ativos financeiros penhorados. O ex-diplomata continua encarcerado no presídio de Benfica, processado pela Lei Maria da Penha.

O Notícias da TV procurou os advogados de Sergio Schiller Thompson-Flores, mas ainda não obteve resposta.

Relembre o caso
As agressões do ex-diplomata à atriz ganharam repercussão após o primeiro depoimento dela ao Fantástico, em 18 de novembro. Cristiane, que atuou em várias novelas na Globo, como Duas Caras (2007), Negócio da China (2008) e Amor à Vida (2013), contou todo o histórico dos dois. Disse que as agressões começaram antes mesmo de eles se casarem. Ela, por medo, instalou câmeras escondidas no quarto.

As imagens gravadas durante cerca de três meses foram divulgadas pelo programa da Globo. Além dos vídeos, ela mostrou fotos de seu corpo com hematomas após as brigas e áudios em que Thompson-Flores a ameaçava com uma faca e dizia que mataria toda a sua família. Os advogados do ex-diplomata negaram as agressões ao Fantástico, alegaram que os vídeos haviam sido editados e que o casal conviveu em harmonia entre setembro e outubro. 

Cristiane deu outro depoimento a Renata Ceribelli em 25 de novembro, em que reafirmou seu medo de ser morta pelo ex-marido. Disse também que sabia que ele estava vigiando a casa e os passos dela. Outras três mulheres entraram em contato com o Fantástico e afirmaram que também sofreram agressão do ex-diplomata.

No mesmo dia, Thompson-Flores se entregou a uma delegacia no Rio de Janeiro. Seus advogados tentaram revogar sua prisão preventiva, mas o pedido foi negado.

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você está curtindo o programa Se Joga?
Sim, é divertido e leve.
22.27%
Não é horrível, mas também não é bom.
26.34%
Não, achei muito ruim, uma vergonha.
27.00%
Prefiro A Hora da Venenosa.
24.40%

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook