DOCTOR FOSTER

Murilo Benício compra direitos de série da BBC para estrelar com Débora Falabella

RAMÓN VASCONCELOS/TV GLOBO

Murilo Benício e Débora Falabella em entrevista ao Altas Horas; casal quer atuar em Doctor Foster - RAMÓN VASCONCELOS/TV GLOBO

Murilo Benício e Débora Falabella em entrevista ao Altas Horas; casal quer atuar em Doctor Foster

GABRIEL PERLINE - Publicado em 05/04/2018, às 06h15

Após 25 anos como ator, Murilo Benício agora também é produtor. E sua primeira investida na TV será a versão brasileira de Doctor Foster, série premiada da BBC que atingiu uma audiência expressiva no Reino Unido, com média de 10 milhões de telespectadores. Com os direitos em mãos, seu próximo passo será negociar o drama com a Globo. Seu objetivo é protagonizá-lo ao lado de sua mulher, a atriz Débora Falabella.

"Eu adoraria fazer [essa série] na Globo, até porque isso faz com que eu e a Débora possamos atuar nela", conta Benício ao Notícias da TV. "Tenho que dar prioridade à Globo. Sou funcionário dela e tenho 25 anos de história lá. Eles sabem que existe esse projeto e que está comigo."

Doctor Foster é o terceiro projeto que Benício desenvolverá por sua produtora, a MB, mas o primeiro para a TV (os outros dois foram para o cinema). Ele será feito em parceria com a BBC Studios e a Endemol Shine Brasil.

A série original tem duas temporadas, de cinco episódios cada. Acompanha a história de Gemma, uma médica respeitada e mãe dedicada. Sua vida sofre uma reviravolta quando passa a suspeitar que está sendo traída pelo marido, Simon. Obcecada, ela se transforma completamente ao descobrir segredos que podem colocar em risco seu casamento, seu emprego e sua própria vida.

Por serem funcionários da Globo e terem contratos de exclusividade, ele e Débora só poderão assumir os postos de protagonistas da série se a emissora comprar o projeto. Caso contrário, outros atores deverão ser escalados. Independentemente de quem esteja no elenco, todos os episódios serão dirigidos por Benício.

"Estamos num momento em que a Globo está com a necessidade de receber esses projetos", diz o ator, referindo-se à plataforma de streaming que a emissora pretende lançar ainda neste ano. "Por mais que eu faça na Globo, na Netflix, na Amazon ou na HBO, acho que agora é o momento de a gente vir com as nossas produções e ideias."

Um dos motivos de Benício se antecipar na compra dos direitos de Doctor Foster é o fato de poder escolher os papéis que irá desempenhar na TV.

"Senão, a gente vira vítima de um telefonema", justifica. "Produzir nada mais é do que a gente começar a escolher os projetos. Porque às vezes a gente fica refém de um convite, que muitas vezes nem é ruim, mas não necessariamente é algo que você quer fazer naquele momento."

DIVULGAÇÃO/BBC

Suranne Jones e Bertie Carvel interpretam o casal Gemma e Simon em Doctor Foster

Caso do acaso
Débora Falabella já atuou em duas peças de Mike Bartlett, criador de Doctor Foster: Contrações (2013) e Love, Love, Love, atualmente em cartaz em São Paulo. Ao pesquisar mais sobre a obra do dramaturgo britânico, no final do ano passado, ela e Benício conheceram a série de TV que pretendem protagonizar.

"Vimos essa série na Netflix e a primeira coisa que pensei foi na Débora interpretando a protagonista. É um papel maravilhoso para ela. Amamos o texto e a história. Aí eu falei com a minha advogada, ela ligou para a BBC em Londres e foi atrás dos direitos. Em uma semana eu estava almoçando com a representante da BBC no Brasil", diz.

Para Murilo, o drama britânico é atemporal e ideal para o gosto do público brasileiro. "É uma novela sofisticada. Fala muito da condição humana, da posse, do ciúme, da traição, do casamento, da desconfiança. E é uma coisa que acontece comigo, com você, com as pessoas no Japão, com todos os seres humanos. Então, não teríamos uma briga de cultura", justifica.

A posibilidade de falar com os telespectadores de seu país fez o ator se empolgar ainda mais com o projeto. "Ficamos doidos e achamos que a obra fala muito a nossa língua. É como uma novela, só que uma novela muito bem cuidada", avalia.

A ideia de Benício é dar início à versão brasileira de Doctor Foster no segundo semestre deste ano. "Quero gravar em uma cidade no interior de Minas Gerais. Não é fácil, exige uma logística, um tempo para pensar, para realizar, definir quem vai fazer. A gente já correu tanto até aqui que agora é o momento de respirar e ouvir as pessoas envolvidas no projeto", fala.

 

 

Enquete

Qual protagonista de Deus Salve o Rei você mataria?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook