PREPARE O SOFÁ

De Ursinho Pooh a Planeta dos Macacos: cinco maratonas para o fim de semana

Imagens: Reprodução

O Ursinho Pooh e Planeta dos Macacos são duas das opções de maratonas cinematográficas - Imagens: Reprodução

O Ursinho Pooh e Planeta dos Macacos são duas das opções de maratonas cinematográficas

LUCIANO GUARALDO - Publicado em 19/05/2017, às 05h11

Se você vai passar o fim de semana em casa e está cansado de fazer maratonas de suas séries favoritas, uma opção são as franquias cinematográficas. Há várias delas disponíveis inteiras no seu televisor. Os cinco filmes clássicos de Planeta dos Macacos (1968-1973), por exemplo, vão ocupar mais de oito horas com muita aventura, suspense e até romance. 

Também é possível viajar no tempo com Michael J. Fox e Christopher Lloyd em quase seis horas de De Volta para o Futuro (1985-1990). A mistura de comédia e ação dá tão certo que, mais de 30 anos após sua estreia no cinema, continua entretendo plateias no mundo todo e até inspirando novas tecnologias.

Quem prefere produções mais alternativas pode conferir a premiada Trilogia das Cores, do diretor polonês Krzysztof Kieślowski. Já os fãs de terror terão a possibilidade de conferir alguns dos monstros clássicos da Universal, como o vampiro Drácula e a criatura de Frankenstein.

Mas, se sua ideia é sentar no sofá com as crianças, também há opções mais leves, como os desenhos do Ursinho Pooh, um sucesso há mais de 90 anos na literatura, na TV e no cinema. Impossível resistir ao charme do urso louco por mel.

O Notícias da TV lista a seguir cinco maratonas de filmes para o seu fim de semana. Todos os longas estão disponíveis no Clarovídeo, sem custo adicional para os assinantes da Net e da Claro TV. Escolha a sua franquia, prepare a pipoca e boa sessão!

Christopher Lloyd (à esq.) e Michael J. Fox no DeLorean do filme De Volta para o Futuro

Viagens no tempo
Iniciada em 1985, a trilogia De Volta para o Futuro conquistou o público ao mostrar a dupla Marty McFly (Michael J. Fox) e Doc Brown (Christopher Lloyd) em viagens pelo tempo. No primeiro longa, Marty viaja para 1955 e ameaça a própria existência quando sua mãe (Lea Thompson) se apaixona por ele e não por seu pai, sem saber que o rapaz é seu filho vindo do futuro.

No segundo filme (1989), Marty e sua namorada, Jennifer (Elisabeth Shue), viajam com Doc Brown para 2015 e descobrem um futuro bem diferente do nosso, com skates flutuantes, carros voadores, tênis com cadarços que se amarram sozinhos e anúncios feitos com hologramas.

Já no último longa (1990), Marty precisa voltar no tempo até o Velho Oeste para salvar Doc, enfrentando o malvado Bufford "Cachorro Louco" Tannen (Thomas F. Wilson), tataravô de Biff Tannen (Wilson), grande rival de Marty no presente.

Além de sucesso de público e cultuada até hoje, a trilogia De Volta para o Futuro também agradou à crítica e recebeu cinco indicações ao Oscar, inclusive os de melhor roteiro original e melhor canção para The Power of Love. Ganhou uma única estatueta, de melhor edição de som. No Globo de Ouro, o primeiro longa foi indicado a melhor filme de comédia, e Michael J. Fox foi lembrado como um dos melhores atores, feito raro para produções de ficção científica.

Charlton Heston (à esq.) com os "macacos" Roddy MacDowall e Kim Hunter no primeiro filme

Homem primata
Baseado no livro de Pierre Boulle, O Planeta dos Macacos chegou ao cinema em 1968, contando a história do astronauta George Taylor (Charlton Heston), que viaja para um mundo onde macacos inteligentes são a espécie dominante e os humanos, mudos e subjugados, são criaturas primitivas. Inovador, o longa recebeu até um Oscar honorário para o maquiador John Chambers, responsável pelo visual dos macacos do filme _na época, a premiação não contemplava maquiagem.

Com o sucesso do primeiro longa, outros quatro filmes foram lançados em quatro anos: De Volta ao Planeta dos Macacos (1970), Fuga do Planeta dos Macacos (1971), A Conquista do Planeta dos Macacos (1972) e A Batalha do Planeta dos Macacos (1973). Para manter a franquia viva, os roteiristas tiveram de inventar viagens no tempo, bombas nucleares e até uma rebelião dos primatas.

O Clarovídeo também conta com o remake de O Planeta dos Macacos, dirigido por Tim Burton em 2001. A trama é similar à do primeiro filme, com um astronauta (Mark Wahlberg) que vai parar em um lugar dominado por chimpanzés. A curiosidade fica por conta da participação de Charlton Heston, que aparece rapidamente como o macaco Dr. Zaius, vilão dos filmes de 1968 e 1970.

Juliette Binoche é a protagonista de A Liberdade É Azul: desapego para superar o passado

Cores da vida
O premiado cineasta polonês Krzysztof Kieślowski declarou seu amor pela França com três filmes que representam as cores da bandeira do país e os ideais da Revolução Francesa. Assim, produziu A Liberdade É Azul (1993), A Igualdade É Branca (1994) e A Fraternidade É Vermelha (1994), produções conhecidas coletivamente como a Trilogia das Cores.

Apesar de fazerem parte de um mesmo projeto, os longas funcionam de forma independente: A Liberdade É Azul conta a história de Julie (Juliette Binoche), mulher que perde o marido e a filha em um acidente de carro e precisa se livrar de tudo o que a faça recordar do passado para poder reencontrar a vontade de viver.

A Igualdade É Branca mostra o polonês Karol (Zbigniew Zamachowski), que se casa com a francesa Dominique (Julie Delpy) e vai morar em Paris. Porém, o casamento não dá certo e Karol acaba vivendo como mendigo na cidade. De volta à Polônia, consegue enriquecer e arma um plano de vingança contra a ex-mulher, a quem ainda ama.

Por fim, A Fraternidade É Vermelha é sobre a jovem modelo Valentine (Irène Jacob), que atropela uma cadelinha e, ao procurar seu dono, encontra o juiz aposentado Joseph Kern (Jean-Louis Trintignant), que tem o costume de ouvir as conversas telefônicas dos vizinhos e, assim, conhece os seus segredos mais íntimos.

Boris Karloff até hoje é lembrado por interpretar o monstro de Frankenstein no longa de 1931

Terror sem idade
Se você é daqueles que gostam de sentir medo, quatro dos famosos monstros da Universal estão disponíveis para uma maratona assustadora: o mais antigo da série é Frankenstein (1931), que traz o ator Boris Karloff na pele da criatura montada pelo Dr. Frankenstein (Colin Clive) com partes de vários corpos diferentes.

Também é possível assistir a O Monstro da Lagoa Negra (1954), sobre uma turma de geólogos que, em excursão na Amazônia, encontra a terrível criatura do título, uma espécie intermediária entre animais aquáticos e terrestres. Já Drácula está disponível em sua versão para os cinemas de 1979, que tem Frank Langella no papel do vampiro e Laurence Olivier como o professor Van Helsing.

Quem prefere produções mais recentes pode conferir A Múmia (1999), uma adaptação repleta de efeitos especiais estrelada por Brendan Fraser e Rachel Weisz. No filme, o explorador Rick O'Connell (Fraser) e a historiadora Evie Carnahan (Rachel) acidentalmente despertam Imhotep (Arnold Vosloo), sacerdote do Egito Antigo que foi amaldiçoado pelo faraó após se envolver com a mulher do governante.

O burro Bisonho, o ursinho Pooh e Leitão vivem aventuras no bosque em Pooh e o Efalante

Doce de urso
Criado em 1926, o ursinho Winnie the Pooh encanta gerações de crianças e adultos há décadas. No Clarovídeo, duas aventuras do urso e de sua turma estão disponíveis sem custo adicional: Tigrão, o Filme (2000) e Pooh e o Efalante (2005). As produções são voltadas para o público infantil, mas podem ser vistas por adultos também.

Em Tigrão, o personagem procura alguém que possa saltar com ele no bosque, mas seus amigos estão muito ocupados com as preparações para o inverno. Na busca por companhia, o desastrado tigre acaba destruindo a casa do burro Bisonho e faz toda a turma rolar ladeira abaixo até um lago. Ao ver que os amigos estão furiosos com ele, Tigrão decide procurar sua família para conhecer outros saltadores.

Já Efalante mostra Pooh, Leitão, Tigrão e companhia descobrindo um novo animal, o pequeno Bolota, que faz amizade com o filhote de canguru Guru, apesar de todos os outros acharem que se aventurar com uma espécie desconhecida é perigoso demais. Desiludido com a falta de confiança, Bolota foge do bosque e caberá à sua mãe a tarefa de convencer a turma de que os efalantes são bondosos.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

+ Lidas

Bloco de Notas

Maratona heroica

Os atores Candice Patton e Grant Gustin em cena do crossover de heróis da DC - Divulgação/The CW A Warner exibirá na próxima sexta-feira (1º) a quarta edição do crossover anual do chamado Arrowverse, universo que engloba as séries Supergirl, Arrow, Flash e Legends of Tomorrow. Serão exibidos quatro episódios na sequência, um ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

Você pretende assistir Apocalipse, nova novela da Record?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook