Âncora do SBT

Sheherazade xinga Wagner Moura e Camila Pitanga de 'idiotas inúteis'

Reprodução/Globo/Netflix

Camila Pitanga em cena de Velho Chico e Wagner Moura em cena de Narcos - Reprodução/Globo/Netflix

Camila Pitanga em cena de Velho Chico e Wagner Moura em cena de Narcos

REDAÇÃO - Publicado em 14/02/2017, às 12h57

Poucos minutos após terminar a apresentação do SBT Brasil de ontem (13), Rachel Sheherazade voltou a polemizar no Twitter. A apresentadora chamou atores de perfil político de esquerda, entre eles Camila Pitanga e Wagner Moura, de "idiotas inútes".

Sheherazade publicou uma imagem com a frase "A opinião de um ator sobre política não importa merda nenhuma", creditada ao ator Kevin Spacey, o Frank Underwood de House of Cards. Logo abaixo, há fotos de seis atores brasileiros: Bianca Comparato, Gregório Duvivier, Camila Pitanga, Marcos Palmeira, Leandra Leal e Wagner Moura. Sheherazade acrescentou um comentário nada sutil: "Idiotas inúteis".

A publicação, feita às 20h44, já teve mais de 800 reproduções e 2.000 curtidas. Nos comentários, os seguidores da jornalista travam até uma longa discussão entre si. Alguns acusam Rachel de falta de respeito com os artistas e de agressividade.

"Não xingue quando alguém disser o mesmo sobre as suas opiniões. Se quer ser respeitada, saiba respeitar", diz a usuária da rede social Bruna Alquati. Outros apoiam a apresentadora, dizendo que os atores se beneficiam do governo com a Lei Rouanet. 

A mesma imagem foi publicada também nos perfis da jornalista no Instagram e no Facebook, com milhares de curtidas. Conhecida por ter ideais conservadores, ela faz questão de deixar claro que discorda do posicionamento político dos atores que xingou _todos já deram declarações consideradas mais liberais e favoráveis à esquerda.

Além de criticar artistas, Rachel frequentemente publica sátiras e ataques a políticos em suas redes sociais _os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff são seus alvos frequentes. Ela apoia as atitudes de Donald Trump nos Estados Unidos.

Em 2014, a apresentadora quase perdeu o emprego no SBT ao fazer uma crítica que incitava a violência. Sheherazade comentou o caso dos "justiceiros" que espancaram e amarraram um adolescente nu a um poste no Rio de Janeiro da seguinte forma: 

"O que resta ao cidadão de bem que ainda por cima foi desarmado? Se defender, é claro! O contra-ataque aos bandidos é o que eu chamo de legítima defesa coletiva. E aos defensores dos direitos humanos que se apiedaram do marginalzinho preso ao poste, eu lanço uma campanha: faça um favor ao Brasil, adote um bandido".

Em relação às opiniões de Rachel Sheherazade, o SBT afirma que não interfere nas opiniões pessoais de seu elenco e não se posicionará sobre o caso. Nenhum artista citado respondeu ao ataque.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

+ Lidas

Bloco de Notas

Três É Demais

Jodie Sweetin (centro) como Stephanie em Fuller House, reboot de Três É Demais - Divulgação/Netflix A atriz Jodie Sweetin, que viveu a Stephanie na série Três É Demais (1987-1995) e repete a personagem em Fuller House, confessou nunca ter visto um episódio completo da atração em que atuou quando era ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

Quem é seu jurado preferido do The Voice?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook
Click Click