Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

NO DOMINGO ESPETACULAR

Viúva de Tom Veiga chora ao ser acusada de envenenamento: 'Me chamam de monstro'

REPRODUÇÃO/RECORD

Em um quarto de hotel, Cybelle Hermínio chora em entrevista ao Domingo Espetacular

Cybelle Hermínio chora em entrevista a Roberto Cabrini no Domingo Espetacular deste domingo (11)

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 11/4/2021 - 22h19

Cybelle Hermínio, viúva de Tom Veiga (1973-2020) não conseguiu conter a emoção ao rebater as acusações de que teria agredido e envenenado o intérprete de Louro José. Ela classificou a história como "mentirosa", revelou que sofre com xingamentos nas redes sociais e que ainda é a favor da exumação do corpo do ator. "Sou a principal interessada", avaliou.

"Nesse momento eu tenho jornalistas que me chamam de monstro, e pessoas que me definem como assassina, vagabunda, usurpadora", disparou Cybelle em entrevista a Roberto Cabrini no Domingo Espetacular deste domingo (11).

Ela também negou ter um comportamento violento com o funcionário da Globo e minimizou os áudios em que o marido reclamava de agressões. "Nada disso é verdade. Nunca houve violência, de ambas as partes. Uma pessoa que realmente é agredida tem interesse em perguntar como a outra está, ir até você? Eu diria que é contraditório", ponderou.

A entrevistada ainda contou que não atirou uma garrafa no artista, ao contrário do que ele teria dito em um áudio obtido pelo jornalístico da Record. "Óbvio que não. Se isso realmente aconteceu, por que ele não fez um boletim de ocorrência, um exame de corpo de delito?", questionou a mulher.

Cybelle, porém, assume que houve uma briga em que ela discutiu com o então companheiro, que estaria embriagado após beber durante toda uma tarde. "Se eu realmente tivesse o agredido, não estaria nem aqui, porque seria vergonhoso", acrescentou ela.

Outro lado

Cabrini também procurou a família de Veiga, incluindo uma das quatro filhas do parceiro profissional de Ana Maria Braga. Amanda Veiga não aceitou fazer uma entrevista formal, mas esclareceu que a hipótese de que o pai foi envenenado não procede.

"Nem eu e nem meus irmãos pedimos por uma exumação [do corpo]. Foi uma matéria totalmente mentirosa e talvez tenha sido algo na intenção de prejudicar a família", definiu a herdeira.

O jornalista ainda conversou com Alessandra Veiga, que foi casada com o intérprete durante 17 anos. Ela apontou que o ex-marido realmente foi agredido por Cybelle, mas que nunca houve qualquer dúvida sobre um homicídio.

"Eu não acredito que ele possa ter sido envenenado. Eu não sei de onde surgiu que a família quer fazer uma exumação. Eu mesma não sou a favor", disse ela, que é mãe de dois filhos de Veiga.


Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Após derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco originalTadeu Schmidt no BBB22: Conheça a carreira do apresentador na GloboRenascer no Globoplay: Saiba por onde anda o elenco da novela 28 anos depois

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas