Silvio Santos vem aí!

Mostra terá Casa dos Artistas, Show do Milhão e melhor amigo de Silvio Santos

Acervo SBT

Silvio Santos ao lado de seu melhor amigo, Manuel de Nóbrega, em A Praça da Alegria - Acervo SBT

Silvio Santos ao lado de seu melhor amigo, Manuel de Nóbrega, em A Praça da Alegria

FERNANDA LOPES - Publicado em 06/12/2016, às 05h38

O MIS (Museu da Imagem e do Som) de São Paulo abre nesta quarta (7) com cenários de programas famosos, depoimentos em vídeo e comentários em áudios inéditos, gravados por artistas consagrados da TV brasileira especialmente para Silvio Santos, 85 anos.

O apresentador será homenageado em uma grande exposição sobre sua carreira. Ao longo da mostra, visitantes se sentirão dentro de atrações históricas de Silvio: será possível arriscar a sorte no Show do Milhão, relembrar o confinamento da Casa dos Artistas, adivinhar Qual É a Música? e ouvir os jurados do Show de Calouros. 

Além da interação com as criações de Silvio Santos na TV, o público conhecerá detalhes sobre o apresentador que vão além da imagem que ele exibe todo domingo, no SBT. Vários artistas e colegas de trabalho de Silvio em diversas emissoras contaram suas histórias sobre o dono do baú em gravações exclusivas.

"Tem vários depoimentos, de profissionais que trabalham com Silvio há mais de 40 anos e de artistas que tiveram a trajetória diretamente relacionada a ele, que Silvio descobriu, investiu. Tem Celso Portiolli, Eliana, Christina Rocha, Wagner Montes, Sergio Mallandro, Carlos Alberto de Nóbrega e Gugu", diz Gabrielle Araújo, uma das curadoras da exposição.

Ela também revela que o MIS conseguiu comentários inéditos de Manuel de Nóbrega (1913-1976) sobre Silvio Santos. Os dois foram muito próximos, e foi do criador da Praça da Alegria que Silvio herdou o Baú da Felicidade, negócio que impulsionou seu império.

"A gente tem áudios inéditos do pai de Carlos Alberto de Nóbrega [Manuel de Nóbrega] falando do Silvio, do início da parceria deles enquanto amigos e colegas de trabalho. Ele foi importantíssimo para a trajetória do apresentador. O melhor amigo que Silvio Santos teve na vida foi Manuel da Nóbrega", afirma.

A exposição Silvio Santos Vem Aí! começou a ser produzida em abril deste ano. Surgiu da vontade dos organizadores de investirem em um tema nacional e preservarem a memória televisiva. Há dois anos, o MIS fez a primeira experiência com uma mostra sobre TV em Castelo Rá-Tim-Bum - A Exposição. Conseguiu mais de 400 mil visitantes.

"Até os anos 1990, houve pouca preocupação em guardar para as gerações futuras o que foi feito em comunicação. Nosso intuito é preservar essa memória televisiva que ainda é pouco valorizada. No caso do Silvio, o objetivo é conectar a carreira dele como comunicador e pensador de rádio e TV com as revoluções que os próprios veículos tiveram ao longo dos anos", explica Gabrielle.

Acervo SBT

Silvio Santos no estúdio do programa Sua Majestade, o Ibope, da TV Tupi, em 1972

O que haverá na exposição
Para contar a trajetória profissional de Silvio Santos, a exposição é dividida em 30 áreas, que recriam cenários e são compostas de mais de 400 itens, entre vídeos, áudios, objetos (como câmeras e televisores antigos) e fotos.

A linha do tempo do apresentador tem início no Rio de Janeiro, onde Silvio começou a trabalhar como vendedor, e chega até São Paulo, onde são retratados os programas de rádio e televisão em que o comunicador trabalhou.

O visitante terá a oportunidade de entrar e brincar com cenografias de atrações de auditório icônicas da carreira do apresentador, como Domingo no Parque, Show do Milhão, Qual É a Música?, Roletrando, Topa Tudo por Dinheiro e Porta da Esperança.

Para abordar o Namoro na TV, a produção do MIS encontrou casais que se formaram no programa e continuam juntos até hoje.

"Conseguimos três casais. A gente conversou com o casal mais antigo, que está junto há quase 50 anos. Foi muito bacana, gravamos o depoimento deles com o álbum de fotografias do casamento, de 1969, em que Silvio estava presente", revela a cocuradora.

Divulgação/MIS

O cenário de Namoro na TV recriado na exposição Silvio Santos Vem Aí!, no MIS, em São Paulo

Segundo Gabrielle Araújo, a maior dificuldade não foi construir dentro do museu os cenários das atrações, mas encontrar material antigo sobre Silvio Santos. "Não há registro imagético do primeiro programa de Silvio na TV, essa fita não existe mais. Estamos falando de um personagem que vai fazer 86 anos, muitos materiais foram se perdendo ao longo dos anos. Fotografias de infância e adolescência [por exemplo] foram muito trabalhosas de achar". 

Pessoalmente, o apresentador não se envolveu em absolutamente nada relativo à exposição _ele apenas deu carta branca ao MIS para o desenvolvimento do projeto. Com ajuda da família e de assessores pessoais, o museu conseguiu tirar dúvidas com ele e encontrar peças e documentos para a mostra.

Mais de 200 convites para a abertura da exposição foram distribuídos para funcionários e convidados do SBT, mas Silvio Santos já avisou que não comparecerá nesse dia. A equipe do museu já providenciou um holograma do apresentador para receber o público, mas ainda tem esperanças de que ele visite a homenagem.

"Silvio ainda não viu nada! A gente está muito na expectativa de que ele venha. Ele falou que vem algum dia", afirma Gabrielle. A exposição Silvio Santos Vem Aí! ficará aberta no MIS até março de 2017.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você gostou de Órfãos da Terra?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook