Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Shark Tank Brasil

Dona do Magazine Luiza entra em reality show e dá lições a participantes

Divulgação/Sony

A empresária Luiza Trajano no episódio desta quinta (20) de Shark Tank Brasil, do Canal Sony - Divulgação/Sony

A empresária Luiza Trajano no episódio desta quinta (20) de Shark Tank Brasil, do Canal Sony

REDAÇÃO

Publicado em 20/7/2017 - 6h21

O episódio de Shark Tank que vai ao ar nesta quinta (20) no Canal Sony conta com a participação de uma convidada ilustre. A empresária Luiza Trajano, dona do Magazine Luiza, a segunda maior varejista de eletromóveis do país, se junta aos cinco "tubarões" oficiais do programa para avaliar os negócios propostos.

A estreante não se intimida com seus colegas investidores e com as apresentações dos participantes. Ela faz questão de dar lições, conselhos e até opiniões bem sinceras para os empreendedores.

Na segunda temporada do Shark Tank, no ar desde 22 de junho, alguns episódios terão convidados especiais, e Luiza foi escolhida para ser a primeira. Sentada ao lado de Caíto Maia, dono da marca Chilli Beans, ela logo comenta que a proposta de um empreendedor que fabrica óculos escuros de madeira pode ser vantajosa para ele, e faz questão de elogiar o participante.

"Você é uma pessoa que eu gostaria de acompanhar, porque você tem futuro. Você cria coisas diferentes", ela diz para Juan Carri, dono do estúdio de design que desenvolve os acessórios.

A postura da empresária, entretanto, não é de benevolência durante todo o programa. Luiza também faz comentários duros.

"Você misturou tanta coisa junta que não está dando para entender qual é o objetivo", diz ao empresário Humberto Leão, que oferece aos "tubarões" sua empresa de tecnologia focada em deixar residências com controle automático de iluminação e aparelhos de áudio e vídeo.

No comando de 800 filiais de sua empresa no Brasil inteiro, Luiza fica bastante atenta ao potencial de crescimento das propostas do Shark Tank. Tanto que, para a empreendedora Erika Romero, que vai ao reality falar sobre seu serviço de bronzeamento caseiro, a investidora dá uma opinião sem rodeios:

"Você não precisa de investidores para isso. Não é nem por causa de dinheiro, mas acho que para você não vai ser legal", afirma.

Além de coordenar as operações da Magazine Luiza, a empresária também preside o grupo Mulheres no Brasil, cujo objetivo é ajudar a direcionar cerca de 5 mil mulheres a desenvolverem soluções para várias questões importantes no Brasil, como igualdade racial, violência contra a mulher e, claro, empreendedorismo.

No Shark Tank, o negócio que mais chama a atenção de Luiza é justamente o criado por duas mulheres. Adriana Ribeiro e Christiane Taveira modernizaram os antigos bobes usados para modelar os cabelos e adaptaram o recurso para uma engenhoca elétrica, que promete bons resultados sem causar tantos danos capilares. Elas pedem R$ 750 mil por 15% da empresa.

Formato de sucesso em mais de 30 países, Shark Tank está em sua segunda temporada no Brasil. A cada episódio, o programa recebe novos participantes em busca de investimento para suas empreitadas comerciais. O reality show vai ao ar no Canal Sony todas as quintas-feiras, às 20h.

Leia também

Enquete

Pantanal perde audiência: novela está chata?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.