Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Ô da poltrona!

De Teresinha à Filha do Seu Faceta: cinco esquetes inesquecíveis dos Trapalhões

Fotos: Reprodução/Memória Globo

Didi, Dedé, Mussum e Zacarias em foto da versão original de Os Trapalhões na Globo - Fotos: Reprodução/Memória Globo

Didi, Dedé, Mussum e Zacarias em foto da versão original de Os Trapalhões na Globo

LUCIANO GUARALDO

Publicado em 30/6/2017 - 5h27

Quatro décadas depois de sua primeira aparição na Globo, o humorístico Os Trapalhões estará de volta em 17 de julho no canal Viva e, em setembro, na TV aberta. O novo programa vai resgatar o humor malandro e ingênuo da série original, com situações atualizadas. A clássica paródia de Teresinha, por exemplo, foi regravada por Renato Aragão.

O quadro mostra o intérprete de Didi vestido como Maria Bethânia (com pernas peludas), recriando a famosa música da cantora. Reprisada com frequência no Vídeo Show, a esquete é uma das preferidas do público, juntamente com A Filha do Seu Faceta, dos clássicos versos "Papai, eu quero me casar".

Mas há outros momentos de Os Trapalhões que fizeram história e marcaram época. É o caso das paródias de novelas, das imitações de cantores e bandas e das sátiras de super-heróis. Confira cinco esquetes inesquecíveis dos Trapalhões:

Renato Aragão como Teresinha em esquete que marcou o programa e estará no remake

Teresinha
Esquete mais memorável de Os Trapalhões, mostra Didi de vestido e peruca, ao som da música Teresinha, escrita por Caetano Veloso para A Ópera do Malandro (1979). Conforme a música conta a história dos três pretendentes da jovem, eles entram em cena: Zacarias (Mauro Faccio Gonçalves, 1934-1990) é o primeiro, que não lhe nega nada; Mussum (Antônio Carlos Bernardes Gomes, 1941-1994) é o segundo, que não lhe entrega nada; o terceiro é o próprio Didi, que se instala no coração da mulher.

O retorno de Teresinha na nova versão foi obra do próprio Aragão, que confessou ter se emocionado ao regravar o quadro. Ele já citou em diversas entrevistas que a música é um de seus momentos favoritos no programa.

Zacarias e Tadeu Mello cantaram "Papai, eu quero me casar" em versões diferentes do quadro

A Filha do Seu Faceta
Outro número musical frequentemente associado ao programa é A Filha do Seu Faceta, no qual Zacarias, vestido de mulher, canta "Papai, eu quero me casar" para o personagem de Renato Aragão. Ciumento, o pai não aceita nenhum possível par para a herdeira, como Ney Matogrosso e Francisco Cuoco. Até Marlon Brando (1924-2004) é rejeitado, porque "amantegou a Maria Schneider" (referência a O Último Tango em Paris, de 1972, filme em que o ator norte-americano usa manteiga como lubrificante para o sexo anal).

A canção foi tão marcante para Os Trapalhões que, em 2011, no Criança Esperança, Renato Aragão e Tadeu Mello reencenaram a apresentação, com Mello no lugar de Zacarias. Uma nova versão certamente faria o público abraçar o novo elenco.

Em sátira de Tieta, Perpétua (Renato Aragão) fez um bolão sobre mistério de sua caixa branca

Paródias de novelas
Antes da turma do Casseta & Planeta, Urgente! (1992-2010), a responsabilidade de parodiar novelas era de Didi, Dedé, Mussum e Zacarias. Uma das mais elogiadas foi a de Tieta (1989), em que Aragão era Perpétua, vivida por Joana Fomm na novela.

A esfuziante protagonista interpretada por Betty Faria ficou com Santana e Mussum surgia como a religiosa Amorzinho, defendida por Lilia Cabral. Na sátira, os moradores de Santana do Agreste tentavam adivinhar o que Perpétua guardava em sua caixa branca: no fim, revelava-se que era o peru (animal) de seu marido.

O programa também fez sátiras a obras como O Astro (1977), Rabo de Saia (1984) e O Dono do Mundo (1991). Até Pantanal (1990), exibida pela concorrente Manchete e que derrubou a audiência das novelas da Globo, ganhou uma paródia: Espantanal. A mulher-onça Juma Marruá, de Cristiana Oliveira, era interpretada por Mussum.

Em esquete, super-heróis ameaçam entrar em greve para conseguirem direitos trabalhistas

Super-heróis
Se Homem-Aranha e Batman hoje fazem sucesso no cinema, antes ficavam restritos ao público que lia quadrinhos e via desenhos animados. Mesmo assim, Os Trapalhões já levava as aventuras dos super-heróis para a televisão. Na Liga da Justiça da trupe de Didi, personagens da Marvel e da DC Comics se misturavam sem muito critério, em esquetes que podiam incluir até He-Man, Popeye e Saci Pererê.

De acordo com o texto de divulgação da nova série, os super-heróis estarão de volta. Como a Globo mantém um acordo tanto com a Warner Bros. (detentora da DC) quanto com a Disney (dona da Marvel), usar a imagem dos personagens consagrados não deve gerar nenhum problema para o programa.

Zacarias vestiu o traje clássico dos Beatles para um número cômico com a canção Help

Sátiras a artistas
Com frequência, o programa recebia convidados musicais de renome, caso do cantor Roberto Carlos. Em outras edições, os números ficavam a cargo dos próprios trapalhões, que imitavam os artistas _eles já se vestiram como os Beatles em uma apresentação divertida da canção Help. E havia episódios em que os famosos encontravam suas imitações, como quando Ney Matogrosso dançou e cantou o sucesso Homem com H ao lado de Didi Mocó.

Leia também

Web Stories

+
Como Rayssa Leal e Douglas Souza: Cinco atletas das Olimpíadas que você deve seguirTraição de Pyong Lee e treta de Nadja Pessoa: Ilha Record promete estreia acaloradaFim de casamento e cirurgia perigosa: Como estão os vencedores do Power Couple BrasilLustre de cristal e piso de mármore: Conheça o Carioca Palace, hotel de Pega PegaDe Luísa Sonza a Ana Hickmann: Veja as mansões de dez famosos brasileiros

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual a melhor cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio?