Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Fala que eu te chuto

Apresentador insinua que maior anunciante da Record faz propaganda enganosa

Reprodução/Record

O bispo Marcio Carotti debocha do produto Goicoechea no Fala que eu te Escuto de ontem (3) - Reprodução/Record

O bispo Marcio Carotti debocha do produto Goicoechea no Fala que eu te Escuto de ontem (3)

GABRIEL SOUZA

Publicado em 4/5/2016 - 5h26

Bispo do Templo de Salomão, da Igreja Universal do Reino de Deus, e apresentador do programa Fala que eu te Escuto, Marcio Carotti criticou o maior anunciante comercial da Record e insinuou que a Genomma Lab faz propaganda enganosa. "Tem um remédio que você espirra e a estria some. Eu não aguentava mais assistir aquele Goicoechea. Não é esse que faz sumir estrias e não sei o quê?", debochou ao vivo, ontem (3) de madrugada, na atração que mistura pregação com jornalismo.

Goicoechea é um produto que aparece em quase todos os intervalos da Record, eventualmente mais de uma vez no mesmo bloco de anúncios, inclusive no próprio Fala que eu te Escuto. É distribuído pelo laboratório mexicano Genomma Lab. Até meados do ano passado, a Genomma era anunciante exclusivo da Record (só aparecia na emissora; hoje, está também na Band).

A Genomma é o anunciante que mais ocupa espaço nos breaks da TV brasileira. Segundo a Kantar Ibope Media, seus anúncios tomaram um espaço que valeria R$ 3,952 bilhões no ano passado. Esse é o valor que todos os comerciais custariam se o laboratório pagasse preço de tabela. Com a Record, o laboratório tem descontos de mais de 95%. Ele investe cerca de R$ 80 milhões por ano na emissora. Só perde para a própria Igreja Universal (cerca de R$ 500 milhões por ano). Neste ano, deve colocar na emissora mais dinheiro do que o conjunto de estatais e ministérios do governo federal.

O desabafo do bispo Carotti ocorreu após o depoimento de uma consumidora de produtos de beleza insatisfeita com seu corpo. Durante quase dois minutos, o Fala que eu te Escuto trocou os debates de temas atuais e orações por um massacre aos produtos da "ditadura da beleza", entre eles os produzidos pela Genomma.

"Você pode observar que existem vários comerciais, nos programas de TV, que anunciam tudo. Então, tem ali o creme que você usa para remover ruga. Tem ali o remédio que você toma e some a barriga. Tem ou não tem? Tem um outro creme, um outro remédio que você espirra e a estria some. Tem um monte... Eu não aguentava mais assistir aquele Goicoechea. Não é esse que faz sumir estrias e não sei o quê?", disse, em um tom de deboche.

"Então tem um monte de propaganda oferecendo melhorias na vaidade da pessoa. Vaidade. Agora, você pode observar, não tem um comercial dizendo o seguinte: olha, tome esse remédio aqui e você vai ser uma pessoa feliz, você tomar esse medicamento, vai fazer uso desse remédio, e você vai deixar de ser triste, você passar a ter paz. Não existe. Sabe por quê? Porque o único capaz de fazer feliz, de fazer com que você tenha felicidade, é o espírito da felicidade que tem em você", ensinou.

Apesar de ser apresentado por bispos e pastores da Igreja Universal, o Fala que eu te Escuto é um programa da Record e integra o portfólio de atrações do departamento comercial da emissora. Autointitulado talk show, ocupa uma hora da programação, no início da madrugada, de segunda a sexta-feira. Costuma atacar empresas que não anunciam na Record e rebater reportagens de outros veículos que agridem a igreja ou a emissora _como as que mostraram que o filme Os Dez Mandamentos tinha ingressos esgotados e salas de cinema quase vazias. É a primeira vez, porém, que o programa ataca um anunciante da emissora. 

Procurado pelo Notícias da TV, a Genomma Lab não se manifestou até a conclusão deste texto. Seu diretor-geral no Brasil, Daniel Ordoñana, está fora do país, informou a empresa. A Record não se comunica com o site.

Veja o vídeo em que o bispo Marcio Carotti critica o Goicoechea:


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você vai acompanhar a reprise de Império?