Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Roger Ailes

Vida de executivo de TV acusado de assédio sexual vai virar minissérie

Divulgação/Fox

Roger Ailes em evento da Fox; trajetória do executivo acusado de assédio vai virar minissérie - Divulgação/Fox

Roger Ailes em evento da Fox; trajetória do executivo acusado de assédio vai virar minissérie

REDAÇÃO

Publicado em 19/10/2016 - 17h37

A conturbada carreira de Roger Ailes, presidente da Fox News até julho, vai virar minissérie. O projeto terá dois nomes de peso nos bastidores. O jornalista Gabriel Sherman, autor de reportagens que revelaram diversos casos de assédio sexual cometido por Ailes, será um dos colaboradores, e o diretor Tom McCarthy, indicado ao Oscar deste ano por Spotlight, será o produtor-executivo. A informação foi divulgada nesta quarta (19) durante um evento realizado pela revista Vanity Fair.

O livro escrito por Sherman sobre a jornada de Ailes na Fox News, chamado de The Loudest Voice in the Room (2014), servirá como base para a atração. O jornalista já especulou quem poderia interpretar o executivo: Anthony Hopkins (Silêncio dos Inocentes, Westworld) e John Goodman (Argo).

A trama contará como Ailes passou de um simples consultor de mídia do Partido Republicano a fundador e presidente da Fox News, onde permaneceu durante 20 anos. Ele deixou o canal de notícias, líder de audiência nos Estados Unidos, em julho, com uma indenização de US$ 40 milhões (R$ 126 milhões).

O executivo viu sua carreira desmoronar após Gretchen Carlson, ex-apresentadora do canal, protocolar um processo na Justiça. A jornalista acusou Ailes de assédio. Relatou que se recusou a ter relações sexuais com o chefe, o que teria provocado sua demissão.

Outras apresentadoras também afirmaram que foram vítimas das investidas do chefe, incluindo uma grande estrela do jornalismo norte-americano, Megyn Kelly. No mês passado, Gretchen entrou em acordo com a 21st Century Fox, proprietária da Fox News, e recebeu US$ 20 milhões (R$ 63 milhões) para dar fim ao litígio.

A soma de todo esse imbróglio levou o magnata Rupert Murdoch, acionista majoritário da News Corp., um dos maiores conglomerados de mídia do mundo e controlador dos canais Fox, a pedir a cabeça de Ailes. Com o executivo fora, o próprio Murdoch assumiu o comando da Fox News.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Web Stories

+
Fim de casamento e cirurgia perigosa: Como estão os vencedores do Power Couple BrasilLustre de cristal e piso de mármore: Conheça o Carioca Palace, hotel de Pega PegaDe Luísa Sonza a Ana Hickmann: Veja as mansões de dez famosos brasileirosLonge dos holofotes: Veja por onde andam cinco atores de Hilda FuracãoAtaque de fã-clube e troca de professor: Cinco tretas marcantes na Dança dos Famosos

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual reality show você vai acompanhar após o fim do No Limite e Power Couple?