Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

SURPRESAS E RETORNOS

Entenda como Karatê Kid 2 foi a grande influência da 3ª temporada de Cobra Kai

Divulgação/Netflix

Ralph Macchio se prepara para dar o golpe final em Yuji Okumoto em cena de Karatê Kid 2

Daniel (Ralph Macchio) enfrenta Chozen (Yuji Okumoto) em Karatê Kid 2; filme influenciou 3º ano de Cobra Kai

ANDRÉ ZULIANI

andre@noticiasdatv.com

Publicado em 4/1/2021 - 6h45

[Cuidado: spoilers da terceira temporada de Cobra Kai abaixo]

A estreia da terceira temporada de Cobra Kai na Netflix trouxe retornos muito aguardados pelos fãs da franquia Karatê Kid, além de surpresas emocionantes. As aparições de Elisabeth Shue (Ali), Yuji Okumoto (Chozen) e Tamlyn Tomita (Kimiko) acrescentaram à história e foram ainda mais especiais para quem assistiu a Karatê Kid 2 (1986), grande influência do novo ano.

É possível afirmar que a sequência do clássico original serviu como grande base para a narrativa do terceiro ano, não apenas pelo retorno de personagens importantes do filme, mas também porque seus acontecimentos são interligados diretamente à história contada em Cobra Kai.

O grande mérito da equipe da série é não ter tornado a aparição dos atores em algo gratuito, só para agradar aos fãs. Ali, Chozen e Kimiko justificam suas voltas ao ajudarem no desenvolvimento da história de Daniel LaRusso (Ralph Macchio) e Johnny Lawrence (William Zabka).

Abaixo, o Notícias da TV explica como a trama do terceiro ano de Cobra Kai se alinha com os acontecimentos de Karatê Kid 2 mais do que qualquer outro filme da trilogia:

REPRODUÇÃO/NETFLIX

Ralph Macchio e Elisabeth Shue em cena

O término de Daniel e Ali

Quem acompanha a série desde o início já está ciente de que a rivalidade entre Daniel e Johnny ultrapassou os limites do tatame. Antes de os dois se enfrentarem na final do torneio All Valley, acontecimento que ditou o ritmo da vida do personagem de Zabka, os dois brigavam pelo amor de Ali Mills.

Essa é a história contada no filme original, mas é apenas em Karatê Kid 2 que descobrimos que fim levou o relacionamento de Daniel e Ali após o encerramento do torneio.

Depois de Sr. Miyagi (Pat Morita) salvar Johnny das mãos de ser sufocado por Kreese (Martin Kove) logo nas primeiras cenas, o longa dá um salto no tempo de seis meses e mostra Daniel-san voltando do baile de formatura. Ao encontrar seu sensei, ele explica que Ali bateu o carro que ele ganhou de presente do mestre e ainda contou que ela estava interessada em um colega de faculdade.

A sequência é breve, mas serve para justificar a ausência de Elisabeth no longa. No último episódio da terceira temporada, Ali e Daniel relembram os acontecimentos, e a moça apresenta a sua versão dos fatos. Segundo ela, a batida do carro não foi sua culpa. Ainda acrescenta que foi o rapaz que a viu conversando com um amigo e surtou por ciúme.

DIVULGAÇÃO/NETFLIX

Tamlyn Tomita retornou como Kimiko

O reencontro com Kimiko

A ida de Daniel a Okinawa teve papel essencial para o andamento de sua trama no terceiro ano. Não só por reintroduzir personagens apresentados (e nunca mais vistos) em Karatê Kid 2, mas por mostrar resoluções importantes para o personagem.

A primeira delas é o reencontro com Kimiko, seu interesse amoroso no longa. Diferentemente do que aconteceu com Ali, o namorico dos dois não terminou em brigas nem teve disputas para ver quem ficaria com a garota. Em Cobra Kai, ela é a responsável pela reunião com Chozen e Yuna (Traci Togushi).

DIVULGAÇÃO/NETFLIX

Chozen treina Daniel em Cobra Kai

Aprendendo com Chozen

Depois de 34 anos da luta até a morte contra LaRusso, Chozen retorna em Cobra Kai mais experiente, empático e irônico. É com o ex-vilão que Daniel aprende que é possível se reconciliar com rivais do passado, mesmo que as diferenças entre os dois sejam grandes. Unido à chegada de Ali, o momento é crucial para a trégua com Johnny no fim da temporada.

A importância da volta de Chozen vai além do amadurecimento pessoal do protagonista. Também é ele quem o ensina lições do estilo Miyagi-Dô que nunca havia sido citado. A nova técnica é utilizada por Daniel para vencer John Kreese na luta do episódio final.

O reencontro dos dois ainda entregou um dos momentos mais engraçados do novo ano. Ao derrotar Daniel no treinamento, o japonês finge que dará o golpe fatal, apenas para imitá-lo e fazer uma gracinha com seu nariz --atitude tomada pelo protagonista na batalha derradeira de Karatê Kid. Uma "vingança" perfeita.

REPRODUÇÃO/NETFLIX

Yuna salvou a vida do protagonista

A recompença de Yuna

Mesmo para os fãs antigos da franquia, o nome de Yuna dificilmente diz alguma coisa. Para Daniel (e o público), a ficha apenas cai quando ela revela ser a garota salva pelo protagonista durante um tufão que atinge a vila de Miyagi no segundo filme.

Assim como os outros personagens citados, a reintrodução de Yuna também não é feita gratuitamente. Por ser diretora de vendas internacional da Doyona, é ela quem salva a rede de concessionárias LaRusso da falência após a queda de clientes por conta da batalha na escolha, no final da segunda temporada.

A presença da personagem também é fruto do trabalho de pesquisa e produção perfeito realizado pelos produtores da série. Mesmo sem ter nome oficial em Karatê Kid 2, Traci Toguchi voltou para interpretar a mesma personagem em Cobra Kai, agora chamada de Yuna. Isso é mais uma prova da fidelidade dos criadores com cânone estabelecido pela filmes.

DIVULGAÇÃO/COLUMBIA PICTURES

Sr. Miyagi ensinando a técnica do tambor

A técnica do tambor

Essa referência pode ter passado despercebida por alguns, mas foi destaque no início de um dos episódios da terceira temporada. A técnica do tambor é a principal lição do Miyagi-Dô aprendida por Daniel em Okinawa --e responsável por ajudá-lo na luta contra Chozen.

Em Cobra Kai, Sam (Mary Mouser) ensina a mesma técnica a Miguel (Xolo Maridueña) quando o rapaz encontra o tambor em seu dojô. Na batalha que acontece na casa dos LaRusso, o ex-cadeirante mostra que aprendeu a lição e a usa para derrotar Kyler (Joe Seo).


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você quer ver no retorno de Amor de Mãe?