ON DEMAND

Programas infantis e Tatá Werneck fazem Now ser mais popular do que a Netflix

Divulgação/Mulstishow

Tatá Werneck no Lady Night; talk show é um dos dez programas mais vistos em on demand - Divulgação/Mulstishow

Tatá Werneck no Lady Night; talk show é um dos dez programas mais vistos em on demand

DANIEL CASTRO - Publicado em 15/12/2017, às 05h22

Os humoristas Tatá Werneck, Marcus Majella Samantha Schmütz e personagens infantis como Peppa Pig, Ladybug e Mickey Mouse estão fazendo do Now uma plataforma muito mais consumida do que a badalada Netflix.

Dados divulgados ontem (14) mostram que o serviço de vídeo sob demanda das operadoras Net e Claro acaba de superar, pela primeira vez em seis anos de operação, a marca de 1 bilhão de conteúdos assistidos no período de 12 meses. Em média, cada usuário do Now vê cerca de 40 horas de programação não-linear por mês. Trata-se de um dado surpreendente: são quase duas horas por dia.

"O Now é muito maior do que a Netflix", diz Daniel Barros, CEO da área de produtos residenciais da Claro Brasil, empresa que controla a Net e a Claro TV.

Não existem dados oficiais de assinantes da Netflix no país. Estima-se, a partir de medições de tráfego de dados na internet, que sejam entre 5 milhões e 7 milhões. A Net e a Claro têm, juntas, 9,5 milhões de clientes. Outra medida de comparação são as opções de conteúdo. O Now tem cerca de 35 mil episódios de séries, programas de TV e filmes. Na Netflix, são 25 mil.

Ranking dos mais vistos
Diferentemente da Netflix, que cada vez mais investe em produções originais, o Now se baseia no catálogo de canais de TV por assinatura, como a HBO, Fox, Sportv, Multishow, Sony, Discovery Kids, Gloob e Telecine (a lei impede que o Now produza audiovisual no Brasil, porque pertence a uma empresa de telecomunicações).

Nos últimos 30 dias, os seis programas mais vistos no Now foram infantis. A explicação é a mesma para o fato de desenhos e séries para o público de até 11 anos serem os mais populares de toda a TV paga: as crianças passam mais tempo na frente do televisor.

O desenho britânico Peppa Pig, maior sucesso da programação do Discovery Kids, lidera o ranking. Em segundo lugar, surpresa, uma produção nacional: Bita e o Nosso Dia, também do Discovery Kids.

Miraculous: As Aventuras de Ladybug e a também brasileira Detetives do Prédio Azul, ambas do Gloob, ocupam as terceira e quarta posições, seguidas pela chinesa Super Wings (Discovery Kids) e pela educativa A Casa do Mickey Mouse da Disney (Clarovideo).

Somente na sétima colocação aparece um conteúdo para o público não-infantil: a série The Walking Dead. Lady Night, o talk show de Tatá Werneck no Multishow, foi o oitavo programa mais visto no catálogo de video on demand. Na nona posição, outro produto do Multishow, o humorístico Vai que Cola, estrelado por Marcus Majella Samantha Schmütz.

O Show da Luna!, atração do Discovery Kids voltada para crianças que gostam de ciências, fecha a lista dos dez mais vistos do Now (sem considerar filmes).

Game of Thrones, maior sucesso da HBO, também frequenta os rankings de séries mais assistidas. Ao lado de Walking Dead, a produção costuma alimentar ciclos em que fãs reveem episódios antigos em longas maratonas. "Quando sai uma nova temporada, o assinante vê tudo de novo", diz o CEO Daniel Barros.

Cenários para 2018
Até o final de 2018, o Now estará em todas as cidades em que a Net opera, e o consumo de vídeo sob demanda, por streaming (online) ou em TV por assinatura, continuará em alta, apostam os executivos da Claro Brasil.

O grupo também projeta um crescimento vigoroso da banda larga. Já a TV por assinatura, que vem perdendo assinantes desde 2014, ainda não dá sinais de recuperação. Os números do cabo se estabilizaram nos últimos meses, mas os do DTH (via satélite) continuam a cair.

Leia também

 

 

Enquete

Afinal, como você avalia Bruna Marquezine em Deus Salve o Rei?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook