Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

VERSÃO MUSICAL

Tina Fey anuncia remake de Meninas Malvadas inspirado em peça da Broadway

PARAMOUNT PICTURES/DIVULGAÇÃO

Lacey Chabert, Rachel McAdams, Lindsay Lohan e Amanda Seyfried em foto de divulgação de Meninas Malvadas

Lacey Chabert, Rachel McAdams, Lindsay Lohan e Amanda Seyfried na versão original de Meninas Malvadas

REDAÇÃO

Publicado em 23/1/2020 - 18h45

A roteirista e atriz Tina Fey anunciou nesta quinta-feira (23) que o musical Meninas Malvadas, adaptação do filme homônimo de 2004 para a Broadway, agora ganhará uma versão no cinema. O espetáculo estreou em 2018 e chegou a ser indicado em várias categorias do Tony Awards, premiação considerada o Oscar do teatro.

Após ter sido a roteirista do filme e do espetáculo da Broadway, Fey também ficará responsável pelo roteiro da nova adaptação, comandada pela Paramount Pictures, de acordo com informações da Variety.

"Estou muito empolgado por trazer Meninas Malvadas de volta às telonas", disse Tina Fey. "Foi incrivelmente gratificante ver o quanto o filme e o musical significaram para o público."

Estrelado por Lindsay Lohan e Rachel McAdams, o filme ganhou cada vez mais força com o passar dos anos e rendeu memes a partir de diálogos específicos, entre eles a regra --imposta pelas garotas populares da escola-- de vestir rosa às quartas-feiras.

Com trilha sonora composta por Jeff Richmond e letras assinadas por Nell Benjamin, o musical é apresentado em Nova York, no Teatro August Wilson, e tem em seu elenco principal as atrizes-cantoras Erika Henningsen, Reneé Rapp, Krystina Alabado e Kate Rockwell.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?