Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

INFORMAÇÕES EXTERNAS

Big Brother alemão segue Brasil e alerta confinados sobre coronavírus

REPRODUÇÃO/SAT. 1

Imagem de Jochen Schropp, apresentador do Big Brother na Alemanha

Jochen Schropp, apresentador do Big Brother na Alemanha, informará confinados sobre crise de coronavírus

REDAÇÃO

Publicado em 17/3/2020 - 13h00

O Big Brother da Alemanha, exibido pela emissora Sat.1, decidiu seguir o exemplo do Brasil e informar os competidores sobre a atual crise de coronavírus que colocou diversos países europeus em confinamento. O reality está no ar desde 10 de fevereiro e o primeiro grupo de participantes está isolado do mundo exterior desde o dia 6 daquele mês.

Os responsáveis pelo programa, de início, não queriam divulgar a informação exterior aos confinados. Na semana passada, entraram no reality quatro novos competidores, que foram orientados a não falar sobre a pandemia. Diante do avanço da crise na Alemanha, o programa voltou atrás e anunciou que os confinados serão informados sobre a situação. A informação é da revista norte-americana Variety.

O apresentador do programa, Jochen Schropp, ao lado do médico Andreas Kaniewski, informará os participantes nesta terça-feira (17) sobre a crise da Covid-19, que resultou em grandes cidades da Alemanha sendo bloqueadas durante um programa ao vivo especial. Assim como aconteceu na Globo, os participantes poderão fazer as perguntas que quiserem sobre a situação.

Segundo a emissora alemã, os confinados também receberão mensagens de vídeo de parentes, algo que não aconteceu no BBB20. Tiago Leifert apenas avisou o grupo que está em contato constante com a família de todos, e que por enquanto, não há nenhum caso de infectado entre os parentes. O apresentador falou, inclusive, da família de Pyong Lee, que está em Seul, na Coreia do Sul.

Como o Big Brother alemão começou mais tarde do que o brasileiro, alguns dos confinados já estavam cientes do surto inicial na China, mas não sabiam nada sobre os eventos que aconteceram na Europa desde que entraram na casa. No Brasil, os competidores não tinham conhecimento sequer da pandemia.

De acordo com o site alemão Quotenmeter, a revelação sobre coronavírus aos confinados pode resultar em um aumento de audiência --que o programa está precisando, já que teve um início apagado. O episódio ao vivo de segunda-feira (16) alcançou cerca de 6,5% do público, um pouco acima da edição na semana anterior.

Outro país que também conta com a atração de confinamento no ar é a Itália. Mesmo sendo o país em pior estado na Europa, o reality show segue no ar e, segunto Leifert, os participantes também estão cientes da situação no mundo real.

Últimas de BBB20

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?