Saiba usar

Mais desejado, cabelo de Cláudia Abreu se adapta e valoriza o visual

Renato Rocha Miranda/TV Globo

Cláudia Abreu (Helô) com corte pixie cut em A Lei do Amor; cabelo está entre os mais pedidos - Renato Rocha Miranda/TV Globo

Cláudia Abreu (Helô) com corte pixie cut em A Lei do Amor; cabelo está entre os mais pedidos

ODARA GALLO - Publicado em 08/12/2016, às 05h45

O cabelo mais desejado pelos telespectadores da TV Globo é o corte joãozinho de Cláudia Abreu, a Helô de A Lei da Amor. Fios curtos dão ar moderno, praticidade e são perfeitos para dias quentes, mas será que cai bem em qualquer formato de rosto? A cabeleireira responsável pela transformação da protagonista da trama das nove afirma que sim.

De acordo com Mariana Gorini, com pequenas adaptações, qualquer mulher pode aderir ao descolado curtinho _e não apenas as que têm rosto magro e oval. Cláudia estava com o cabelo bem comprido quando foi ao salão de Fernando Torquatto mudar o visual para viver Helô. Na trama, a protagonista cortou os fios para dar força à filha na quimioterapia e adotou o chamado pixie cut, ou um joãozinho mais moderno.

"É um corte desfiado, com a nuca batida e bem desconectado para tirar um pouco do volume do cabelo da atriz", descreve Mariana Gorini. "A franja vem bem de trás, acompanhando o redemoinho do cabelo, e cai pesada, desfiada, dando um acabamento natural", completa.

A profissional explica que o cabelo curto está em alta, principalmente com a chegada do verão, pela praticidade e leveza. Mas, ao escolher o pixie cut, vale a pena combinar com o cabeleireiro um valor para manutenção, que poderá ser constante. "A manutenção precisa ser feita todo mês, às vezes a cada 20 dias", alerta Gorini.

Curto para todas
A cabeleireira faz questão de desmistificar a ideia de que cabelo curtinho só cai bem em quem tem rosto magro e oval. Segundo ela, alguns truques ajudam a transformar o pixie cut no estilo ideal para todas.

Veja como adaptar ao corte ao seu tipo físico:

Rosto redondo: Franja de lado ajuda harmoniza bem com esse formato de rosto. Além disso, costeletas mais compridas caem bem e dão uma afinada nas bochechas.

Pescoço curto: A dica nesse caso é subir ao máximo o corte da nuca, para alongar o pescoço.

Pescoço largo: Mulheres com essa característica também podem optar pelo pixie cut. No entanto, a parte do cabelo que fica na nuca deve ser cortada em formato v.

Testa curta: Nesse caso, nada de franjinha reta, que achata ainda mais o rosto. Opte por um corte que deixe a franja longa e lateral.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

Notícias da TV Recomenda

Blade Runner 2049

Blade Runner 2049

Ficha técnica: Ficção científica. EUA, 2017, 164 min. Direção: Denis Villeneuve. Elenco: Harrison Ford, Ryan Gosling, Ana de Armas, Jared Leto, Robin Wright. Disponível para locação no Now.

Sinopse: Trinta anos depois dos eventos do primeiro filme, o blade runner K (Gosling) descobre um segredo que pode mergulhar a sociedade (ou o que restou dela) em um caos absoluto. Em busca de salvação, o policial decide caçar Rick Deckard (Ford), ex-blade runner que está desaparecido há três décadas.

Por que assistir: Depois de 35 anos de espera, a continuação foi lançada com um astro do passado e um do presente em papéis de destaque. No site Metacritic, o longa tem nota 81 (de 100), com 46 críticas positivas, 7 mistas e nenhuma negativa. No IMDb, o filme ocupa a posição 66 de melhor produção da história, à frente até de clássicos como Cidadão Kane (1941) e Laranja Mecânica (1971).

 

Assista agora no NOW

+ Lidas

Bloco de Notas

Fim da linha

A humorista Maria Bamford em cena da comédia surreal Lady Dynamite, da Netflix - Divulgação/Netflix A Netflix anunciou neste sábado o cancelamento da série Lady Dynamite, que teve duas temporadas produzidas pela plataforma de streaming. Baseada na vida real da comediante Maria Bamford (que também estrela a série), Lady Dynamite ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

Mais um BBB vem por aí e...

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook