Espelho da Vida

 - Reprodução/TV Globo

Américo/Eugênio

(Felipe Camargo)

Pai de Cris na vida atual, ele abandonou a família quando a atriz era criança e agora tenta forçar a reaproximação. Em 1930, também foi pai da protagonista. Na outra vida, era o coronel Eugênio, um homem que tocou os negócios da família da mulher, de poucas palavras e de temperamento difícil.

O personagem era um falso moralista, pois mantinha uma outra mulher em uma casa afastada da cidade, com quem teve um filho bastardo. Na vida atual, ele teve outros dois filhos com outras mulheres e os abandonou.

Eugênio não permitia o namoro de Julia com Danilo porque achava que a família do pintor era imoral, mas também porque precisava casá-la com Gustavo Bruno para usar o prestígio do marquês para conseguir empréstimos e pagar dívidas que fez. 

Outros personagens

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook