Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

O próximo da lista

Depois de Sabrina Sato, Record quer tirar Wellington Muniz do Pânico

Divulgação/Band

Wellington Muniz, o Ceará, imita o Silvio Santos na apresentação do Pânico na Band para a imprensa - Divulgação/Band

Wellington Muniz, o Ceará, imita o Silvio Santos na apresentação do Pânico na Band para a imprensa

GILVAN MARQUES e DANIEL CASTRO

Publicado em 11/12/2013 - 4h24
Atualizado em 11/12/2013 - 7h30

Depois de contratar Sabrina Sato, a Record quer agora tirar do Pânico na Band o humorista Wellington Muniz, o Ceará. A rede de Edir Macedo também cobiça o ator Eduardo Sterblitch.

Interlocutores da Record foram atrás de detalhes do contrato entre Muniz e a Jovem Pan, dona do formato do Pânico. Descobriram que o compromisso atual está vencendo, o que deixou diretores da Record ainda mais eufóricos com a possibilidade de contratá-lo.

O presidente do Comitê Artístico da Record, Mafran Dutra, confirmou ao Notícias da TV o interesse: "O Ceará é um grande humorista, com um enorme talento. E tê-lo na Record seria um grande sonho de consumo".

Um dos principais nomes do Pânico, Wellington Muniz ganhou popularidade imitando Silvio Santos. Mas perdeu espaço no programa desde 2012. Ao longo de sua carreira, Muniz coleciona mais de 30 caracterizações, entre elas Gabi Herpes, Betânia, Dercy, Padre Quemedo e Clô.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

Enquete

Você gostou dos primeiros capítulos de Verdades Secretas 2?

Web Stories

+
Bolsonaro virou chacota na Globo! Nos Tempos do Imperador coleciona indiretasMitomaníaco, sem noção ou exibido? 5 vezes que Gui Araujo falou demais em A FazendaDe vendedor de pastéis a diretor de cinema: Por onde anda o elenco de Malhação 2008?Como aconteceu acidente com Alec Baldwin que matou fotógrafa no set de novo filmeCinco casais que se formaram no Casamento às Cegas Brasil e você não sabia

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas