Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Polícia magoada

Comandante da PM de SP ameaça processar jornalistas da Globo

Zé Paulo Cardeal/TV Globo

O jornalista Rodrigo Bocardi, que insinuou no Bom Dia Brasil que policiais recebem cafezinho para patrulhar - Zé Paulo Cardeal/TV Globo

O jornalista Rodrigo Bocardi, que insinuou no Bom Dia Brasil que policiais recebem cafezinho para patrulhar

GILVAN MARQUES

Publicado em 22/11/2013 - 11h11

O comandante-geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo, Benedito Roberto Meira, ameaça processar os jornalistas Chico Pinheiro e Rodrigo Bocardi, da Globo, por causa de comentários feitos no Bom Dia Brasil de ontem (21).

Ao opinar sobre uma reportagem a respeito de roubos a padarias e estabelecimentos comerciais em São Paulo e em Bauru, Bocardi afirmou que "vai ver que os donos dessas padarias não estão dando o cafezinho e o pão com manteiga", insinuando que policiais recebem dinheiro e alimentos em troca do patrulhamento e proteção.  

Chico Pinheiro completou: "É, inclusive foi uma coisa seríssima, né? Não é possível que esses estabelecimentos tenham que fazer agrados a policiais para que o trabalho funcione, isso não é tolerável, isso não é admissível".

No site da PM e perfis da instituição nas redes sociais, o comandante Meira publicou uma carta aberta dizendo que irá enviar o vídeo da Globo para advogados estudarem as “medidas judiciais cabíveis”. "Não posso me calar diante de tanta desconsideração por parte dos apresentadores", justificou o policial.

A Globo não se manifestou até a conclusão deste texto.

Leia a íntegra da carta do comandante da PM:

"A Polícia Militar é uma Instituição séria, que presta um inestimável e relevante serviço em prol da sociedade, muitas vezes desempenha atividades afetas a outras esferas do governo e atua 24 horas por dia.

Reconhecemos que temos falhas, que nossos policiais cometem falhas, que não somos perfeitos em tudo que dispomos a realizar, aceitamos as críticas, pois é por meio delas que conseguimos corrigir as inconformidades ou eventuais falhas.

Não posso me calar, na condição de comandante-geral da PM de São Paulo, diante de tanta desconsideração por parte dos apresentadores. Eles podem não aceitar/concordar com os argumentos apresentados pela Polícia Militar em razão da matéria exibida, mas não podem macular a imagem de toda a corporação ao insinuarem que para se ter segurança basta oferecer um ‘cafezinho e o pão com manteiga/ em troca de policiamento nos estabelecimentos comerciais.

Vamos entregar a cópia do vídeo aos advogados da entidades de classe para análise do conteúdo e avaliação das medidas judiciais cabíveis ao caso.

A nós, policiais militares, honestos e íntegros, só nos resta lamentar.
Respeito é sinônimo de educação.”


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

Enquete

Você gostou de Tadeu Schmidt no comando do BBB22?

Web Stories

+
Final de Malhação na Globo tem sequestro, incêndio e final feliz; saiba tudoPor que Ludmilla e Anitta brigaram? Entenda a treta que respingou no BBB 22BBB22: Cinco vezes em que Naiara Azevedo atraiu o ranço do público na primeira semanaFaustão na Band abala concorrentes com ibope histórico e equipe provoca RecordAntes da estreia, BBB22 já rendeu treta entre famosos, tentativa de redenção e mais

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas