Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Barracos inesquecíveis

De puxão de cabelo a vestido rasgado: as maiores brigas de mulher das novelas

Fábio Rocha/Gshow

Joyce (Maria Fernanda Cândido) atira sapato em Irene (Débora Falabella) no capítulo de hoje - Fábio Rocha/Gshow

Joyce (Maria Fernanda Cândido) atira sapato em Irene (Débora Falabella) no capítulo de hoje

REDAÇÃO

Publicado em 24/7/2017 - 5h33
Atualizado em 25/7/2017 - 11h35

Duas grandes surras da teledramaturgia agitam a programação da Globo nesta semana. A vingança de Maria do Carmo (Susana Vieira) contra a vilã Nazaré (Renata Sorrah) vai ao ar nesta terça (25) em Senhora do Destino. Já A Força do Querer teve ibope de final de novela ontem (24), com a briga entre Joyce (Maria Fernanda Cândido), Ritinha (Isis Valverde) e Irene (Débora Falabella).

Brigas de mulheres como essa costumam ser o de clímax de muitas telenovelas, com grande audiência e repercussão, e podem ter muita violência e crueldade _e não apenas um festival de tapas e puxões de cabelos.

Em Celebridade (2003), por exemplo, Maria Clara (Malu Mader) encurralou Laura (Claudia Abreu) no banheiro e só deixou a vilã sair depois de muitos tapas e hematomas pelo corpo.

Dominada por Ritinha, Irene leva sapatada de Joyce; cena vai ao ar hoje (Estevam Avellar/TV Globo)

Gilberto Braga abriu uma histórica sequência de luta livre de mulheres na teledramaturgia em 1978, com o célebre embate final entre as irmãs Júlia (Sônia Braga) e Yolanda (Joana Fomm) em Dancin' Days.

A receita funcionou e foi repetida na década seguinte. O mesmo Gilberto Braga deu o que falar em Vale Tudo (1988) com a cena em que Raquel (Regina Duarte) e Maria de Fátima (Gloria Pires) brigaram feio e choraram. A mãe até rasgou o vestido de casamento da própria filha.

Relembre as maiores brigas que levantaram o ibope das novelas:

reprodução/tv globo

A briga entre duas irmãs em Dancin Days foi uma sequência longa, emocionante e marcante

Júlia e Yolanda, Dancin' Days (1978)
Uma das primeiras grandes brigas entre duas mulheres na teledramaturgia aconteceu em 1978, na novela Dancin' Days. Inspirada no filme Momento de Decisão (1977), a cena prendeu a atenção dos telespectadores no último capítulo da novela.

As irmãs Júlia (Sônia Braga) e Yolanda (Joana Fomm), que tiveram rixa durante toda a trama, acertaram as contas no final em meio a tapas, empurrões e puxões de cabelo. As duas até rolaram no chão durante a briga, mas após tanta agressão se acalmaram e se perdoaram.

reprodução/tv globo

Magoada com a filha, Raquel (Regina Duarte) atacou até o vestido de casamento dela

Raquel e Maria de Fátima, Vale Tudo (1988)
Raquel (Regina Duarte) não relevou as maldades de sua filha mesmo sabendo que ela se casaria muito em breve. Ela encontrou a dissimulada Maria de Fátima (Gloria Pires) vestida de noiva e desabafou toda a raiva e frustração que sentia.

"Você me separou do homem que eu amo. Está casado com outra, está com raiva de mim por sua causa. Eu odeio você, tenho nojo de você", ela gritou repetidamente. Raquel partiu para cima da filha e rasgou o vestido dela, ao mesmo tempo em que a estapeava e chorava de raiva. 

reprodução/tv globo

Maria Clara (Malu Mader) descontou sua raiva em Laura (Claudia Abreu) no chão do banheiro

Laura e Maria Clara, Celebridade (2003)
Depois de descobrir todas as falcatruas que Laura (Claudia Abreu), sua antiga assistente, havia lhe armado para lhe deixar na ruína, Maria Clara Diniz (Malu Mader) se reergueu e decidiu dar o troco.

Durante uma festa, ela esperou que Laura fosse até o banheiro. As duas ficaram cara a cara, e a empresária não deixou por menos. Dominou a rival e a atacou com dezenas de tapas na cara. Laura saiu do banheiro com o rosto machucado, cheia de hematomas.

divulgação/tv globo

Maria do Carmo (Susana Vieira) acabou com a raça de Nazaré (Renata Sorrah) durante surra

Nazaré e Maria do Carmo, Senhora do Destino (2004)
Maria do Carmo (Susana Vieira) fez uma armadilha para atrair Nazaré (Renata Sorrah) a um galpão. A vilã inventou várias mentiras sobre Lindalva (Carolina Dieckmann), mas a heroína não se deixou enganar. Sabendo que a mulher à sua frente era a mesma que roubou sua filha, ela descarregou toda a raiva que acumulou ao longo dos anos.

"Nós duas estamos sozinhas, sem ninguém para interromper nosso ajuste de contas. Há mais de 20 anos eu sonho em lhe dar o que você merece", ela disse. Maria do Carmo partiu para cima da rival com tapas, chutes e xingamentos, até deixá-la sangrando no chão. 

joão cotta/tv globo

Inimigas do início ao fim, Donatela (Cláudia Raia) e Flora (Patrícia Pilar) se atracaram feio

Flora e Donatella, A Favorita (2008)
Flora (Patrícia Pillar) e Donatella (Cláudia Raia) se enfrentaram e brigaram várias vezes durante A Favorita (2008), mas a mais marcante das agressões foi quando a heroína finalmente descobriu a criminosa que sua amiga de infância realmente era. As duas se atracaram e até rolaram no chão durante a briga, mas Flora derrotou a rival e a deixou sozinha, ferida, no meio de uma estrada.

joão miguel júnior/tv globo

Melissa (Christiane Torloni) desmascarou e espancou sua rival, Yvone (Leticia Sabatella)

Yvone e Melissa, Caminho das Índias (2009)
Em Caminho das Índias (2009), que assim como A Força do Querer também foi escrita por Gloria Perez, havia uma trama bastante parecida com a de Irene e Joyce. Depois de ser passada para trás várias vezes, Melissa (Christiane Torloni) descobriu que seu marido tinha um caso com Yvone (Leticia Sabatella).

Sem revelar que já sabia de tudo, ela armou para encontrar a farsante na sala de massagem de um clube. Lá, espancou Yvone e disse para ela se afastar de seu marido. A vilã saiu toda roxa, dizendo que havia sido assaltada.

reprodução/globo

Carminha (Adriana Esteves) e Monalisa (Heloísa Périssé) brigaram por Tufão (Murilo Benício)

Carminha e Monalisa, Avenida Brasil (2012)
Mesmo após anos de infidelidade em seu casamento, Carminha (Adriana Esteves) ficou irada quando flagrou seu marido, Tufão (Murilo Benício) abraçado a Monalisa (Heloísa Perissé) no salão de beleza. A vilã fez um dramalhão, disse que queria morrer e chamou a rival de invejosa e prostituta. 

Monalisa não se deixou abalar e também humilhou a mãe de Jorginho (Cauã Reymond), chamando-a de vadia. Quando Carminha começou a quebrar os móveis do salão, Monalisa a jogou na sarjeta, e as duas se atracaram com todo o povo do bairro como plateia.

divulgação/gshow

Edith (Bárbara Paz) levou tapas na cara violentíssimos de sua sogra, Pilar (Susana Vieira)

Pilar e Edith, Amor à Vida (2013)
Não foram poucos os barracos de Amor à Vida, mas a briga entre Pilar (Susana Vieira) e Edith (Bárbara Paz) foi uma das mais intensas. Em um jantar de família, Edith confessou que era garota de programa quando conheceu César (Antonio Fagundes) e que o filho que criava com Félix (Mateus Solano) na verdade era do marido de Pilar.

A socialite surtou ao descobrir a traição e atacou Edith com tapas na cara e tentativa de estrangulamento. A família, cheia de problemas, nunca mais foi a mesma depois das revelações.

Leia também

Enquete

Você gostou dos participantes escolhidos para o BBB22?

Web Stories

+
Faustão na Band abala concorrentes com ibope histórico e equipe provoca RecordAntes da estreia, BBB22 já rendeu treta entre famosos, tentativa de redenção e maisBBB22: Após frustrar público, Globo anuncia participantes nesta sexta-feiraSunga branca, esponjão e recorde no paredão: 10 momentos para o BBB22 tentar superarSabrina Sato volta à Globo; apresentadora já foi Bailarina do Faustão e esteve no BBB

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas