Pra quem tem peito

Corajosas e polêmicas: veja a lista das mulheres superpoderosas de 2017

João Cotta/TV Globo

A cantora Anitta deu o que falar em 2017: polêmica, namoro e carreira internacional - João Cotta/TV Globo

A cantora Anitta deu o que falar em 2017: polêmica, namoro e carreira internacional

MÁRCIA PEREIRA - Publicado em 31/12/2017, às 06h47

Com o empoderamento feminino em alta, 2017 foi um ano de sucesso para quem tem peito. Na TV, a mais bem-sucedida foi a autora Gloria Perez. Com três protagonistas do sexo feminino, a novelista tornou A Força do Querer um fenômeno de audiência e crítica. A trama revelou Carol Duarte, uma jovem que comoveu no papel de um transexual, personagem que nunca havia tido tanto destaque na televisão brasileira.

Mas a mulherada não se destacou só na teledramaturgia. O Notícias da TV lembra a seguir as sete profissionais que brilharam neste ano, cada uma com uma história diferente. Polêmica, garra e coragem são pontos em comum entre as moçoilas.

Confira o ranking das superpoderosas de 2017:

Anitta - Mais do que rebolado
Anitta, uma mulher que se definiu como favelada e plastificada, não pagou só peitinho e abusou da sensualidade em 2017. A cantora saiu do lugar-comum ao rodar o país lançando um videoclipe por mês, virou empresária e deu o pontapé na carreira internacional. Cantou com artistas como Maluma, Iggy Azalea e J Balvin, além de lançar singles em inglês e em espanhol.

Não é à toa que a funkeira termina o ano como a celebridade mais pesquisada pelos brasileiros na internet. Segundo levantamento da Semrush, a artista registrou mais de 3,4 milhões de buscas em ferramentas como Bing e Google. A vida pessoal dela é um caso à parte. Anitta também não fez segredo sobre o romance com Thiago Magalhães, relação que passou rapidamente de namoro para união estável. 

Gloria Perez - A volta por cima
Duramente criticada por Salve Jorge (2012), Gloria Perez deu a volta por cima e levantou a audiência da Globo com A Força do Querer para indíces que não eram registrados havia cinco anos.

joão cotta/tv globo

Gloria Perez fez bonito com A Força do Querer: sucesso de público e crítica em 2017

Depois de Salve Jorge, Gloria fez sucesso com a série Dupla Identidade, em 2014. Chegou-se a cogitar que ela não faria mais novelas, mas a autora começou a trabalhar em sua trama mais recente naquele mesmo ano.

O segredo da novelista para o sucesso em 2017 foi ter um leque grande de assuntos: sereismo, transexualidade, cosplay, policial feminina, MMA, plus size, vício em carteado e pôquer. Foi daí que nasceu a ideia de "rodar" o protagonismo conforme a história ia sendo contada.

Tatá Werneck - Entrevista para rir
Lady Night, partiu terceira temporada. Só que não! Os fãs do programa de Tatá Werneck no Multishow vão ter de esperar até o segundo semestre de 2018 para ver a humorista colocar seus convidados em situações inusitadas novamente.

reprodução/multishow

Caio Castro embarcou nas brincadeiras de Tatá Werneck e ficou seminu no Lady Night

O talk show teve grande repercussão. Além do impacto nas redes sociais, também foi premiado pela crítica. Tatá desbancou Pedro Bial, Fábio Porchat, Fátima Bernardes e Fernanda Lima como melhor apresentadora de 2017 na premiação da APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte).

"Eu fiquei muito feliz com esse prêmio, e não vou fazer aquele discurso: 'Ai, não imaginava'. Cada apresentador tem seu DNA. Estou ali [no Lady Night] como comediante e fui aprendendo a apresentar. Saber tirar informação do outro de maneira que seja legal para quem está vendo, sem ser agressivo, não é fácil", comenta a humorista.

Carol Duarte - Trabalho transformador 
Filha de uma dentista e um marceneiro de São Paulo, a atriz Carol Duarte chegou a trancar a faculdade de Artes Cênicas por conta das dificuldades de viver da atuação. Foi garçonete e fez muito bico até conseguir seu primeiro papel na Globo. A intérprete de Ivan/Ivana se transformou em cena, não só pelo corte de cabelo e o figurino masculino. A atriz afirma que a experiência foi uma conquista que levará para a vida toda.

reprodução/tv globo

Com ajuda da tecnologia, Carol Duarte apareceu sem seios no final de A Força do Querer

"Foi a minha primeira novela, foi tudo muito novo. Então, saio transformada dessa experiência. Aprendi muito e fico feliz principalmente pela repercussão que o Ivan teve no Brasil", diz a atriz.

Carol fará dois filmes e uma peça em 2018, mas o sucesso em A Força do Querer rendeu contrato de longa duração com a emissora carioca. Ela voltará ao ar em 2019 como protagonista, provavelmente da primeira novela escrita por Manuela Dias (Ligações Perigosas e Justiça).

Letícia Colin, Eliana e Fátima Bernardes - Na boca do povo
Letícia Colin estreou na TV em 1995 ainda menina, mas só agora, aos 27 anos, roubou a cena em Novo Mundo. Sua atuação foi elogiada do começo ao fim da trama das seis da Globo. O sotaque, o olhar, a sofrência e toda a composição da atriz fizeram da princesa Leopoldina uma unanimidade entre os telespectadores. A loira não ganhou prêmios, mas fecha o ano muito mais poderosa do que o começou.

montagem/divulgação

Letícia Colin e as apresentadoras Eliana e Fátima Bernardes brilharam por diferentes motivos

Nem sempre é o trabalho que faz uma celebridade ganhar destaque, que o diga Fátima Bernardes. Desde que apareceu em um shopping carioca com o primeiro namorado após se separar de William Bonner no ano passado, a apresentadora do Encontro está na boca do povo. A cada clique e cada selfie com seu "boy magia", Túlio Gadêlha (25 anos mais jovem), ela vira notícia.

Já Eliana passou boa parte do ano longe da apresentação de seu programa no SBT para gerar sua segunda filha, Manuela. Chorou nos desabafos que fez durante a gestação. Com descolamento de placenta, a loira foi internada, depois ficou em repouso absoluto na casa da mãe, para que a criança não corresse o risco de nascer prematuramente. Voltou ao ar com boas audiências na "guerra" contra Rodrigo Faro.

Leia também

 

 

Enquete

Afinal, como você avalia Bruna Marquezine em Deus Salve o Rei?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook