Warrior

Warrior

Ficha técnica: Ação, EUA, 2019. Criação: Jonathan Tropper e Justin Lin. Elenco: Andrew Koji, Olivia Cheng, Jason Tobin e Dianne Doan. Disponível no Max Prime.

Sinopse: Ambientada em 1878 na cidade de San Francisco, a série narra a jornada de Ah Sahm (Andrew Koji), que troca a China pelo território norte-americano em busca de sua irmã. Em um clima de muita hostilidade contra imigrantes, Sahm se envolve com gangues chinesas e conhece o submundo do crime local.

Por que assistir: A magia de Bruce Lee (1940-1973), desenvolvedor da série, paira em cada episódio. O fã do ator pode se preparar, pois o drama não economiza nas lutas ensandecidas de kung fu. Caprichada, a atração tem muita pancadaria capaz de deixar o telespectador boquiaberto. Warrior está com a segunda temporada confirmada.

Outras recomendações

The Handmaid’s Tale

The Handmaid’s Tale

Ficha técnica: Drama, Suspense, EUA, 2017. Criação: Bruce Miller. Elenco: Elisabeth Moss, Yvonne Strahovski, Alexis Bledel. Disponível no Paramount+ (novos episódios da terceira temporada estreiam em 15/6).

Sinopse: Ambientada em um Estados Unidos dominado por um governo fundamentalista cristão,  a série acompanha o drama de mulheres férteis sob o domínio de famílias ricas, que as mantêm apenas para procriar.

Por que assistir: Protagonizada por Elizabeth Moss, The Handmaid's Tale conquistou todos os prêmios possíveis em Hollywood e entrou para a história como a primeira série de uma plataforma de streaming a vencer o Emmy de melhor drama. Na terceira temporada, a série promete diminuir as cenas de terror contra as mulheres e vai mostrá-las à frente de um grupo de resistência contra Gilead. São as criadas e empregadas contra o sistema.

Fleabag

Fleabag

Ficha técnica: Comédia, EUA, 2016. Criação: Phoebe Waller-Bridge. Elenco: Phoebe Waller-Bridge, Fiona Shaw, Andrew Scott, Olivia Colman. Disponível no Prime Video.

Sinopse: Ambientada em Londres, a série acompanha uma jovem, chamada apenas pelo apelido de Fleabag (Phoebe Waller-Bridge), em sua conturbada vida amorosa. 

Por que assistir: A comédia é um prato cheio para quem curte o peculiar humor inglês. A trama é engraçada, mas traz uma moral triste. O telespectador tem de se preparar para muita ação sexual na primeira temporada. Na segunda leva de episódios, a protagonista se apaixona por um padre bonitão, vivido pelo ator Andrew Scott. A série é agradável de se ver por ser bem curta, com temporadas de seis episódios de meia hora cada. E tem participações excelentes de Fiona Shaw e da vencedora do Oscar Olivia Colman.

Lucifer

Lucifer

Ficha técnica: Drama, EUA, 2015. Criação: Tom Kapinos. Elenco: Tom Ellis, Lauren German, Kevin Alejandro, D.B. Woodside, Lesley-Ann Brandt. Disponível na Netflix.

Sinopse: Entediado no Inferno, Lúcifer Morningstar (Tom Ellis), o Diabo, abandona seu posto no Reino das Trevas e se aventura em Los Angeles, onde abre uma boate. Ele conhece uma detetive e vira consultor da polícia para ajudar a resolver crimes.

Por que assistir: Lucifer é uma entre tantas outras boas séries baseadas em personagens de histórias em quadrinhos. Ela também se enquadra nas tramas policiais fora da caixinha que têm personagens pitorescos ajudando na caça de bandidos. O diabo da série tem charme e usa seu poder de convencimento para arrancar confissões. Na terceira temporada, Lúcifer vai ter um caso com Eva, aquela do Jardim do Éden.

Confira todas as Recomendações

+ Lidas

Notícias da TV

Redes sociais