Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

BOMBA NO ESPORTE!

Walter Casagrande sai da Globo após 25 anos: 'Alívio para os dois lados'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Imagem de Walter Casagrande no Altas Horas

Walter Casagrande no Altas Horas; comentarista deixou a Globo após 25 anos de trabalho

ERICK MATHEUS NERY e GABRIEL VAQUER

erick@noticiasdatv.com

Publicado em 6/7/2022 - 15h30
Atualizado em 6/7/2022 - 15h53

Após 25 anos como comentarista da Globo, Walter Casagrande saiu da emissora. O contrato do ex-jogador venceria em dezembro, mas a saída foi antecipada. A rescisão foi assinada nesta quarta-feira (6). "Vou seguir a minha estrada. Acho que foi um alívio para os dois lados", afirmou Casão ao deixar a empresa.

"Depois de 25 anos de Globo, seis Copas do Mundo, cinco finais, incluindo a de 2002, com os dois gols do Ronaldo, três Olimpíadas e diversas finais de campeonatos por aí, meu ciclo acabou. Estou saindo da Globo hoje, não faço mais parte do grupo de Esportes da TV. Vou seguir a minha estrada. Na realidade, acho que foi um alívio para os dois lados", explicou Casagrande em vídeo enviado à reportagem.

Segundo fontes do Notícias da TV, o contrato de Casagrande com a emissora terminaria em dezembro, mas a saída do comentarista foi antecipada em comum acordo.

A Globo, em nota, confirma. "Em comum acordo, a parceria entre Globo e Casagrande chega ao fim, mas suas análises estarão para sempre marcadas no almanaque das transmissões de futebol da televisão brasileira", diz o comunicado.

Um dos ídolos do Corinthians, Casagrande atuava como comentarista esportivo desde a sua aposentadoria dos gramados. Ele começou na carreira em 1996 na ESPN e, no ano seguinte, foi para a Globo. Na emissora, o ex-atleta atuou em jogos da Seleção Brasileira de futebol e, principalmente, nos confrontos de times paulistas.

Nos últimos anos, o veterano fez duras críticas ao governo do presidente Jair Bolsonaro (PL) durante as participações na emissora. Além dos comentários esportivos e políticos, Casagrande protagonizou a série documental Casão - Num Jogo Sem Regras, do Globoplay.

A atração mostrou a história do ex-atleta, seus problemas com as drogas, a carreira nacional e internacional e a rebeldia durante a Ditadura Militar (1964-1985).

Passado de lutas e conquistas

Casagrande deixa a Globo às vésperas da Copa do Mundo, que começa em novembro e será a última de Galvão Bueno como narrador na TV. A Copa de 2018 representou uma vitória pessoal na vida de Casão. Ele foi ao evento com o objetivo de "chegar pela primeira vez numa Copa do Mundo sóbrio, permanecer sóbrio e voltar para a minha casa sóbrio". E conseguiu.

Desde então, o comentarista fala abertamente sobre dependência química e procura compartilhar a experiência que teve como forma de ajudar outras pessoas a se libertarem do vício. Além do documentário Globoplay, Casão tem livros e costuma fazer palestras sobre o assunto.

Leia a nota da Globo na íntegra:

Como jogador, Walter Casagrande Júnior escreveu uma história importante dentro de campo: ídolo do Corinthians, onde foi protagonista da Democracia Corintiana, teve passagem pelo futebol europeu e também defendeu a seleção brasileira na Copa do Mundo de 1986.

Fora dos gramados, a trajetória foi também de sucesso. Há 25 anos ele exerce a função de comentarista, 24 deles na Globo. Um período marcado por grandes momentos, conquistas, emoções, superação e pela autenticidade, uma de suas marcas registradas.

Em comum acordo, a parceria entre Globo e Casagrande chega ao fim, mas suas análises estarão para sempre marcadas no almanaque das transmissões de futebol da televisão brasileira.

Confira a publicação de Walter Casagrande nas redes sociais:



Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.