Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

EM 2022

Por audiência e faturamento, Globo aceita dividir Paulistão com streamings

DIVULGAÇÃO/SÃO PAULO

Equipe do São Paulo, com uma camisa branca, levanta o troféu do Paulistão 2021 no Morumbi

São Paulo campeão do Paulistão 2021: Globo faz proposta para renovar contrato para 2022

GABRIEL VAQUER, colunista

vaquer@noticiasdatv.com

Publicado em 26/8/2021 - 6h55

A Globo enviou para a FPF (Federação Paulista de Futebol) uma proposta oficial para a renovação do Campeonato Paulista a partir de 2022. A emissora quer um pacote de jogos dentro de um modelo em que o torneio continue relevante na TV aberta e na fase de mata-mata, na qual o estadual conquista seus maiores índices de audiência. Para fechar o acordo, porém, a líder de audiência terá que dividir os jogos com o YouTube e, possivelmente, com uma plataforma de streaming.

A informação foi confirmada pelo Notícias da TV com diversas fontes do Esporte da emissora. A Globo espera resposta da FPF para evoluir nas conversas. A federação, porém, analisa outras opções de mercado. Um dos objetivos é que o torneio entre na guerra dos streamings.

A Globo analisa que ter o Campeonato Paulista na grade ainda é importante. O Estadual conquista uma audiência relevante, principalmente em suas fases decisivas, na Grande São Paulo, principal mercado publicitário do Brasil. Na temporada 2021, inclusive, a final entre São Paulo e Palmeiras é o maior ibope do futebol até o momento --com 30,1 pontos de média.

Além disso, comercialmente falando, o Paulistão ainda é importante para ocupar o vácuo que fica entre o fim do Brasileirão do ano anterior e o seguinte, entre janeiro e maio. Por isso, a Globo não quer abrir mão dele, como fez com o Carioca e com outros estaduais menores, como o Baiano e o Cearense.

O pacote de jogos que a Globo deseja ter envolve principalmente TV aberta, mas há conversas também pela TV por assinatura. A FPF analisa outras opções no mercado, mas não quer tirar os jogos do sinal aberto. O SBT já demonstrou interesse, só que ainda não fez uma proposta oficial.

Uma ideia da federação é vender os direitos para uma plataforma de streaming, de gigantes como Amazon, Warner e Disney. Seria uma maneira de alcançar um público novo de jovens, que preferem ver os jogos nestes players. Ou seja, Prime Video, HBO Max e Star+ são consideradas opções.

O YouTube já comprou um jogo por rodada para mostrar do Paulistão. Ou seja, a Globo fez a proposta por um pacote de jogos que só serão seus, mas aceita que nem todos as partidas do Paulista sejam exclusivas. As negociações são feitas pela FPF com consultoria da Livemode, empresa do ex-dono do Esporte Interativo, Edgar Diniz.

O contrato antigo da Globo com o Paulistão acabou com a edição de 2021. Para ter a exclusividade em todas as mídias (TV aberta, TV paga e pay-per-view), a emissora desembolsava R$ 225 milhões por ano. Para o novo pacote, ela ofereceu bem menos.


Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Além de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco originalTadeu Schmidt no BBB22: Conheça a carreira do apresentador na Globo

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas