Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Enxugamento sem fim

Em novo corte, Record demite 100 seguranças e recepcionistas

Divulgação

Marcus Vinicius Vieira, vice-presidente executivo da Record, responsável pela onda de demissões - Divulgação

Marcus Vinicius Vieira, vice-presidente executivo da Record, responsável pela onda de demissões

DANIEL CASTRO

Publicado em 16/2/2014 - 7h58

Em mais uma etapa de corte de custos, a Record finalizou na semana passada o processo de demissão de mais de cem seguranças e recepcionistas que trabalhavam nas instalações da emissora em São Paulo. Eles foram substituídos por funcionários de uma empresa fornecedora de mão de obra, mais baratos. A Record confirma a informação. 

Muitos dos demitidos eram fiéis da Igreja Universal do Reino de Deus, liderada por Edir Macedo, dono da Record. Um deles, ao saber que seria demitido, protestou fazendo defecando e urinando no estacionamento.

Em 2012, logo após a Olimpíada de Londres, a Record iniciou um processo de enxugamento de custos, liderado pelo vice-presidente executivo, Marcus Vinicius Vieira. As primeiras vítimas foram a rádio Record e a Record News. No ano passado, a TV Record passou por um processo que resultou em mais de 1.000 demissões em São Paulo e no RecNov, o complexo de estúdios no Rio de Janeiro.

Áreas não consideradas essenciais, como a limpeza e a copa, foram terceirizadas. Agora chegou a vez da segurança. A emissora realizou estudos até para terceirizar a produção de programas. Grandes produtoras, como a Casablanca, foram consultadas para cotação de preços e viabilidade.

A Record teve de demitir porque seu crescimento de audiência e com receitas publicitárias não acompanhou os investimentos realizados nos últimos anos. A emissora comprou e contratou mais do que arrecadou. O faturamento de toda a rede é de cerca de R$ 2 bilhões. A Globo, sem considerar suas afiliadas, faturou R$ 11,5 bilhões em 2013.

LEIA TAMBÉM:

SBT provoca Record e Netflix em anúncio com Silvio Santos

Boninho e Pedro Bial ofuscam participantes de BBB nas redes sociais

Fátima Bernardes será concorrente de Tony Ramos na publicidade

Miss Bumbum que namora cadeirante deve entrar na Fazenda

Beijo 'gay', crimes e corrupção marcam 2ª temporada de House of Cards

Comentarista diz que diretor do SBT é 'sócio' do presidente do PT

Ex-diretor da MTV lança livro e revela bastidores de piti de Caetano

Conheça os melhores aplicativos para sua TV conectada à internet

Em Família alimenta suspeita de incesto; saiba o que aconteceu com bebê

Novela Em Família erra ao retratar épocas e se perde no tempo

Versão 'turbo' de Em Família mata pai de Helena três dias antes


​► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?

Vanessa Giácomo
21.13%
Lucy Alves
16.78%
Rafa Kalimann
12.62%
Isis Valverde
22.07%
Uma atriz desconhecida
27.40%