Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

PACIÊNCIA DE JÓ

Record copia até Jesus e faz milagre da multiplicação dos capítulos em Gênesis

FOTOS: REPRODUÇÃO/RECORD

Com uma luz forte ao fundo, o ator Zécarlos Machado como Abraão evita olhar para Dudu Azevedo, como Jesus, em cena de Gênesis

Abraão (Zécarlos Machado) encontra Jesus (Dudu Azevedo) em Gênesis; messias inspira a Record

DANIEL FARAD

vilela@noticiasdatv.com

Publicado em 19/8/2021 - 6h45

A Record nunca se fez de rogada em copiar as estratégias que deram certo na concorrência, mas foi buscar no livro sagrado do Cristianismo a inspiração para aproveitar a audiência de Gênesis até o final do ano. Afinal, se Jesus (Dudu Azevedo) multiplicou os pães e os peixes no Novo Testamento, a emissora também fez milagre ao picotar capítulos da novela bíblica.

A emissora chegará na sétima e última fase da produção, José, no próximo dia 30 com nada menos do que 44 episódios criados dentro das ilhas de edição. O número equivale a exatos dois meses de exibição, já que o folhetim economiza material inédito aos sábados com uma reapresentação de seus melhores momentos.

Os autores Camilo Pellegrini, Stephanie Ribeiro e Raphaela Castro, inclusive, já disponibilizaram o roteiro completo para a equipe e o elenco dividido em 150 partes. A rede de Edir Macedo tem planos de espichar a história até dezembro e, caso a proporção seja mantida, o material é suficiente para pouco mais de 205 capítulos na tela.

A reta final da sexta fase é talvez um dos principais símbolos desse processo. Ao todo, a Record transformou quatro capítulos em dez, mitigando algumas passagens importantes como o encontro de Jacó (Miguel Coelho) com Jesus, além das mortes de Raquel (Thaís Melchior), Rebeca (Martha Mellinger) e Isaque (Henrique Pagnoncelli).

A expectativa é que a curiosidade do público para conhecer o desfecho dos personagens seja suficiente para manter os televisores sintonizados, apesar da narrativa mais lenta e arrastada, já criticada nas redes sociais até por telespectadores assíduos.

Jesus (Dudu Azevedo) em Gênesis

Dividir o pão

Gênesis pode até não render os mesmos índices que Os Dez Mandamentos (2015) conseguia, mas assegura um resultado que nenhum outro folhetim bíblico trouxe até o momento. A Record também tem interesse em ganhar tempo para produzir uma sucessora inédita e evitar uma reprise para tapar buraco, sobretudo com o fim das "edições especiais" na Globo.

A aposta é Reis, de Raphaela Castro, que está em pré-produção e deve começar a rodar as primeiras sequências já em setembro. A narrativa acompanhará os principais monarcas do reino de Israel, como Saul, Davi e Salomão, englobando trechos do livro homônimo da Bíblia, além de Crônicas, Provérbios, Cântico dos Cânticos, Eclesiastes e Salmos.


Saiba tudo sobre os próximos capítulos das novelas com o podcast Noveleiros

Ouça "#70 - Ressuscita! Cora reza e traz José Alfredo de volta em Império" no Spreaker.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Gênesis e outras novelas.


Últimas de Gênesis


Resumos Semanais

Resumo da novela Gênesis: Capítulos de 19 a 22 de outubro

Terça, 19/10 (Capítulo 196) 
Lúcifer assiste o triunfo de José. Neferíades sofre um castigo cruel. Pentephres pede perdão a Meritre. Asenate cai na armadilha de Mahamid.  Quarta, 20/10 (Capítulo 197) 
Sheshi recebe uma mensagem preocupante. Asenate é surpreendida pela presença ... Continue lendo


Outras Novelas

Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Além de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco originalTadeu Schmidt no BBB22: Conheça a carreira do apresentador na Globo

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas