Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

VINGANÇA DO TRAÍDO

Cornélio se delicia com derrota de Dinorá em O Cravo e a Rosa: 'Reles camareira'

FOTOS: REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Ney Latorraca caracterizado como Cornélio: ator tem cabelo na altura dos queixo e usa bigode e cavanhaque. Ele tem a expressão debochada enquanto segura um charuto em cena de O Cravo e a Rosa

Cornélio (Ney Latorraca) tira proveito do emprego de Dinorá (Maria Padilha) para humilhá-la

SABRINA CASTRO

sabrina@noticiasdatv.com

Publicado em 27/6/2022 - 14h40

Cornélio (Ney Latorraca) verá a derrocada de Dinorá (Maria Padilha) de camarote em O Cravo e a Rosa. O ricaço fará questão de se hospedar no hotel onde ela estará trabalhando. Ele não perderá a oportunidade de pisar na ex-mulher. "Aqui, eu sou hóspede, e você não passa de uma reles camareira", bradará o traído, vitorioso.

Cornélio, afinal, usou os próprios "chifres" para escorraçar a ex-madame de casa. Acostumada com uma série de mordomias bancadas pela fortuna do marido, a ex-dondoca se viu sem chão ao ser expulsa. Nem o pai perdido de Heitor (Rodrigo Faro) ou as revelações sobre o passado de Josefa (Eva Todor) encheram os cofres da família de "chupins". 

Sem um tostão, cada membro teve de dar um jeito de se virar. Heitor arrumou um emprego de favor na fazenda de Petruchio (Eduardo Moscovis), pleiteado por Calixto (Pedro Paulo Rangel), pai do atleta. Josefa e Dinorá até conseguiram abrigo na ex-pensão de Dalva, mas as contas começarão a se acumular cada vez mais.

Assim, a mais nova acabará ocupando o cargo de camareira. Será uma queda brusca para a megera, que sempre tratou os empregados feito lixo. Nariz em pé, ela ainda via pessoas pobres como inferiores --vide Candoca (Miriam Freeland), sua própria prima, a quem ela fazia questão de destratar.

Cornélio conhece bem esse lado da ex-mulher. Por isso, fará questão de vê-la na labuta com os próprios olhos. Ele quase não acreditará na própria sorte ao se deparar com a salafrária de primeira. Dentre todas as camareiras do espaço, será Dinorá quem limpará o quarto do corno.

A visão da megera, com seu uniforme bem ajustado e seus pedidos de licença, serão um prato cheio para o amigo de Batista (Luis Melo). "Dinorá!", vai se deliciar o hóspede. "Você? Pois que vá às favas você e a arrumação do seu quarto", vai se revoltar a loira.

Dinorá (Maria Padilha) se revoltará com as invertidas de Cornélio (Ney Latorraca), mas se verá obrigada a obedecê-lo em O Cravo e a Rosa

Mesmo contrariada, Dinorá obedece Cornélio

Ele, porém, não deixará a oportunidade de humilhar a ex-mulher passar em branco. "Espera aí, camareira. Camareira, arrume o quarto, sim. Eu quero tudo um brinco", exigirá. "Como se atreve a falar comigo dessa maneira, Cornélio?, rebaterá a funcionária do hotel.

"Que isso, Cornélio? Senhor Cornélio! Aqui eu sou hóspede, e você não passa de uma reles camareira", soltará o ricaço. A mimada chamará o tio de Petruchio pelo nome mais uma vez --só para tomar uma bela de uma invertida. "Eu falei senhor Cornélio. Quer que eu fale com a gerência, quer? Que mande você embora? Arrume o quarto, vai! Arrume. Quer que eu fale com eles?", ameaçará o homem.

Sem um tostão, a megera terá de abaixar a cabeça e se obrigar a obedecê-lo. "É... Sim, senhor Cornélio. Eu vou arrumar o seu quarto, senhor Cornélio. Vou arrumar", dirá a loira, pausadamente e com muito esforço.

Mas a labuta da dondoca não durará muito tempo. Em breve, ela reconquistará o corno e voltará a ter uma vida de mordomias. Cínica, ela ainda terá a audácia de continuar traindo o marido.

Escrita por Walcyr Carrasco e dirigida por Walter Avancini, O Cravo e a Rosa foi ao ar pela primeira vez em 2000. O folhetim bateu recorde em sua última reapresentação no canal Viva.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em O Cravo e a Rosa e em outras novelas:


Últimas de O Cravo e a Rosa

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.