Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

VALOR MILIONÁRIO

Astro do soul, Marvin Gaye ganhará cinebiografia com orçamento recorde

Reprodução/YouTube

Marvin Gaye durante entrevista nos anos 1970

Marvin Gaye durante entrevista nos anos 1970; cantor vai ganhar filme com um orçamento milionário

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 18/6/2021 - 20h00

A Warner Bros. vai produzir uma cinebiografia sobre o cantor Marvin Gaye (1939-1984), astro do soul norte-americano. Intitulado What's Going On (O Que Está Acontecendo, em tradução livre), o projeto já está em andamento e vai receber um investimento de US$ 80 milhões, um recorde entre filmes inspirados em músicos afrodescendentes.

Allen Hughes será o encarregado da direção e dividirá a produção executiva com Jimmy Iovine, Andrew Lazare o rapper Dr. Dre. O roteiro foi escrito pelo poeta e dramaturgo Marcus Gardley, que tem no currículo o musical baseado no livro A Cor Púrpura (1982).

Os representantes de Gaye e a produtora musical Motown também estão envolvidos no projeto. Isso deve permitir que a Warner tenha os direitos de usar as canções da musicografia do astro.

"[Esse projeto] É muito pessoal para mim. Quando eu fiz meu primeiro filme com meu irmão, nós tivemos a sorte de poder colocar What's Going On [a música] no trailer de Perigo para a Sociedade [1993], e isso ajudou muito no marketing do longa. Com exceção de No Inferno [2001], todos os meus filmes têm uma música do Marvin Gaye, então eu sempre me conectei com ele", explicou Hughes ao site Deadline.

O diretor e os produtores pretendem começar imediatamente a procura por um ator para interpretar Gaye. O filme recebeu o sinal verde para ser gravado no início de 2022, com a previsão de lançamento em 2023 nos cinemas e na HBO Max.

Ainda de acordo com a publicação, a intenção da Warner não é fazer um filme biográfico comum, mas criar uma odisseia musical em torno da vida de um dos maiores cantores da história. A trama vai contar seu passado com eventos que ajudaram a moldar sua última turnê.

Segundo os produtores, o longa não vai deixar de retratar o relacionamento tumultuado que ele teve com o pai, mas também celebrará a vida das mulheres que influenciaram a carreira de Gaye e inspiraram algumas de suas canções mais icônicas.

Hughes ainda disse que espera poder usar a voz do cantor na inserção das músicas no filme e elogiou a voz do astro.

A voz de Marvin é tão singular que 90% dela tem que ser do cara real, mas espero que possamos encontrar um ator que possa amarrá-la com cenas experimentais. Mas, principalmente, quero homenagear essa voz singular, e não imitá-la. Existem técnicas que venho explorando em termos de áudio em apresentações ao vivo e gravações em estúdio. Descobrimos muito, mas não queremos brincar com o que é provavelmente a voz mais pura de todos os tempos.

O início da carreira de Gaye ajudou a moldar a história da Motown nos anos 1960. Ele se tornou o primeiro cantor negro a assinar um contrato de US$ 1 milhão e, em seguida, teve algumas de suas canções mais influentes e politicamente carregadas quando deu início à carreira solo.

Entre suas músicas mais icônicas, se destacam os sucessos I Heard It Through the Grapevine, Ain't No Mountain High Enough, Ain't Nothing Like the Real Thing, Let's Get It On e Sexual Healing.

TUDO SOBRE

HBO Max


Leia também

Web Stories

+
Vômito, narrador ridículo e ‘xerecada’: Cinco momentos engraçados das OlimpíadasBárbara, Kelvin e Medina: Atletas brasileiros se envolvem em tretas nas OlimpíadasAna ou Manuela? Saiba quem fica com Rodrigo no final de A Vida da GenteComo Rayssa Leal e Douglas Souza: Cinco atletas das Olimpíadas que você deve seguirTraição de Pyong Lee e treta de Nadja Pessoa: Ilha Record promete estreia acalorada

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual a melhor cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio?