Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Mais Big Bang?

REDAÇÃO - Publicado em 10/8/2016 - 15h04

Divulgação/CBS

Os atores Kaley Cuoco e Jim Parsons na nona temporada de The Big Bang Theory - Divulgação/CBS

Os atores Kaley Cuoco e Jim Parsons na nona temporada de The Big Bang Theory

O futuro de The Big Bang Theory ainda é incerto após a décima temporada, que estreia em setembro. Mas o presidente da divisão de entretenimento da rede CBS, Glenn Geller, deu uma dica do que poderá ocorrer: "Nós estamos muito confiantes que todos os envolvidos querem mais de Big Bang após o ano dez", disse o executivo em um painel no seminário da TCA (Associação dos Críticos de Televisão dos Estados Unidos) nesta quarta (10). O principal problema a ser resolvido é a renovação dos contratos com os três protagonistas da série, atualmente os atores mais caros da TV norte-americana: Kaley Cuoco, Jim Parsons e Johnny Galecki. Cada um deles recebe, desde a oitava temporada, US$ 1 milhão (R$ 3,13 milhão) por episódio. Uma renovação acarretará aumento no salário, proporcional à quantidade de temporadas para as quais a série for renovada. Até hoje, o maior salário de um ator na TV dos EUA pertence a Charlie Sheen, estrela de Two and a Half Men (2003-2015). Entre 2010 e 2011, ele recebeu US$ 1,8 milhão por episódio.

Leia todas as Notas

Leia também

Web Stories

+
Lançamentos da semana têm Quem Matou Sara? e documentário de Pink; saiba maisDez anos após o fim de Smallville, veja como está o elenco da sérieDe cuidadora de cachorros a musa sertaneja: Como está Juliette fora do BBB21Salve-se Quem Puder: Última semana da reprise tem chantagem, reencontro perigoso e revelaçãoPower Couple Brasil 5 aposta em casais polêmicos e promete barraco e confusão

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.