De 'favorita' a santa das prostitutas: descubra o verdadeiro final de Domitila

NOVO MUNDO

Rejeitada pelo príncipe, Domitila (Agatha Moreira) sairá de cena no último capítulo da novela das seis da Globo certa de que vai reconquistar o seu posto de "favorita" de dom Pedro (Caio Castro). As sequências vão ao ar na próxima sexta, 28 de agosto.

Imagem: Reprodução/TV Globo

Na vida real, porém, a marquesa de Santos nunca perdeu o seu lugar de amante para a infelicidade da arquiduquesa que serviu de inspiração para Leopoldina (Letícia Colin). Os dois trocavam juras de amor e cartas picantes com desenhos de pênis eretos.

Imagem:Wikimedia Commons

Domitila engravidou cinco vezes, mas apenas duas gestações vingaram até o fim. À esquerda, Isabel Maria (1824 - 1898) e, à direita, Maria Isabel (1830 - 1896): elas foram reconhecidas como herdeiras pelo príncipe e ganharam os títulos de nobreza de duquesa de Goiás e condessa de Iguaçu, respectivamente.

Imagem: Wikimedia Commons

Domitila foi esfaqueada pelo primeiro marido, que deu origem ao Felício (Bruce Gomlevsky) no folhetim, e conseguiu se separar graças a um decreto de Pedro. Ela se casou novamente com o brigadeiro Rafael Tobias de Aguiar (1794 - 1857), um rico fazendeiro de Sorocaba (interior de São Paulo).

Imagem: Wikimedia Commons

Mesmo com a morte de Leopoldina (foto) em 1822, Domitila não foi alçada ao posto de imperatriz, uma vez que era odiada pelo povo. Pedro a expulsou da Corte e a trocou por uma jovem de sangue nobre, Amélia de Leuchtenberg (1812 - 1873).

Imagem: Wikimedia Commons

Banida do Rio de Janeiro, Domitila se dedicou à caridade. O seu túmulo no cemitério da Consolação, em São Paulo, até hoje recebe flores de prostitutas que lhe pedem para largar a profissão e arranjar uma vida "digna" perante a sociedade.

Imagem: Wikimedia Commons

TEXTO
Daniel Vilela

IMAGENS
TV Globo / Wikimedia Commons

EDIÇÃO
Dennis Pagi

ARTE
André Cordeiro

EMAIL
contato@noticiasdatv.com.br

DATA DE PUBLICAÇÃO
21/8/2020

FICHA TÉCNICA