LUTO NA ARTE

Fundação do PT, Castelo Rá-Tim-
Bum e mais: A inesquecível
carreira de Sergio Mamberti

Morreu na madrugada desta sexta (3) o ator Sergio
Mamberti
em decorrência de falência múltipla de órgãos.
O artista ficou conhecido principalmente por dar vida a
doutor Victor no Castelo Rá-Tim-Bum (1994-1997).

FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

O veterano de 82 anos estava internado desde 25
de agosto para tratar uma infecção nos pulmões. Ele
também sofria de uma deficiência cardíaca. A morte
 foi confirmada pelo filho do ator, Carlos Mamberti.

FOTO: DIVULGAÇÃO

Sergio somava mais de 60 anos de carreira, com
trabalhos na TV, no cinema e no teatro. Natural de Santos,
litoral de São Paulo, ele começou cedo nos palcos. Na
adolescência, integrou um grupo de teatro com amigos.

FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Desde então, o veterano se apaixonou pelo ofício.
Aprimorou-se na dramaturgia e se formou em Artes
Cênicas na USP, em São Paulo. Sua estreia no teatro
aconteceu em 1963, na peça Antígone América.

FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Nos palcos, Mamberti estrelou peças como
O Balcão, Hamlet (1984) e O Evangelho Segundo
Jesus Cristo (2001). Recebeu o Prêmio Molière de
melhor ator por seu papel em Réveillon, em 1975.

FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Ele também atuou em diversas produções nos
palcos ao lado do irmão, Cláudio Mamberti
(1940-2001). Sua última passagem pelo
teatro foi em O Ovo de Ouro, de 2019.

FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Já na TV, sua estreia foi em 1968, com o folhetim
Ana, na Record. Ainda na emissora, Sergio estrelou
novelas como Algemas de Ouro (1969), As Pupilas
do Senhor Reitor (1970), e outras.

FOTO: GLOBO/RAPHAEL DIAS

Também teve passagem pela Manchete nos anos
1980 quando atuou em Dona Beija (1986). O ator
também esteve em Helena (1987), A História de
Ana Raio e Zé Trovão (1990) e Pantanal (1990).

FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Seu primeiro papel na Globo foi na novela
Brilhante (1981), como Galego Sampaio.
Mas o que o consagrou na TV foi o
mordomo Eugênio de Vale Tudo, em 1989.

FOTO: GLOBO/BAZILIO CALAZANS

Ele ainda participou de muitas outras novelas na Globo.
Seu trabalho mais recente em folhetins foi em Sol
Nascente (2016). Em 2020, o público pôde rever o
carrasco Dionísio na reprise de Flor do Caribe (2013).

foto: tv globo/matheus cabral

Um dos trabalhos mais marcantes de Mamberti
foi no Castelo Rá-Tim-Bum, da TV Cultura, em
que interpretou o doutor Victor. Seu bordão
"raios e trovões" é lembrado até hoje.

FOTO: REPRODUÇÃO/TV CULTURA

Além da carreira nas artes, Sergio também atuou na
política. Nos anos 1980, participou da fundação do
Partido dos Trabalhadores (PT). No Governo Lula,
ocupou cargos no Ministério da Cultura. 

foto: marina ofugi

O veterano deixa os filhos Duda, Carlos
e Fabrício Mamberti, frutos da união com
Vivien Mahr, com quem foi casado entre
1964 e 1980, quando ela morreu.

FOTO: REPRODUÇÃO

O ator também teve um relacionamento
de 37 anos com Ednaldo Torquato, que
morreu em 2019, com quem ele adotou
Daniele, sua única filha.

FOTO: REPRODUÇÃO

1939 • 2021 

Sergio Mamberti

E-MAIL
contato@noticiasdatv.com

IMAGENS
Divulgação
Globo/Renato Rocha Miranda
Globo/Raphael DIas
Globo/Matheus Cabral
Globo/Bazilio Calazans
Reprodução/Instagram
Reprodução/TV Cultura

EDIÇÃO
Tamires Baldessin

TEXTO
Redação

FICHA TÉCNICA

3/9/2021