Megyn Kelly

Salário de R$ 72 milhões de âncora de TV causa revolta em emissora nos EUA

Divulgação/NBC

A âncora Megyn Kelly à frente do seu primeiro programa na rede NBC: salário de causar inveja - Divulgação/NBC

A âncora Megyn Kelly à frente do seu primeiro programa na rede NBC: salário de causar inveja

REDAÇÃO - Publicado em 06/10/2017, às 16h41

Celebridade de primeira grandeza nos Estados Unidos, a jornalista Megyn Kelly vai receber um salário anual de US$ 23 milhões (R$ 72 milhões) da rede norte-americana NBC. A quantia, que totalizará US$ 69 milhões (R$ 218 milhões) em três anos de contrato, é motivo de revolta no departamento de notícias da emissora, segundo o jornal britânico Daily Mail. A apresentadora de 46 anos, recém-chegada na equipe, receberá mais do que veteranos da casa.

Megyn, ex-Fox News, só perde para o âncora Matt Lauer, coapresentador do matinal Today há 20 anos. De acordo com a revista Variety, Lauer tem salário anual de US$ 25 milhões (R$ 79 milhões). Um profissional da NBC ouvido pelo Daily Mail afirmou que o valor a ser pago para Megyn é "obsceno e insano".

"Como eles [chefes da NBC] podem justificar pagar quase US$ 70 milhões em três anos? É um gigante tapa na cara de todas as estrelas veteranas da NBC", disse a fonte, não identificada.

Megyn é uma das celebridades do telejornalismo norte-americano, com fama conquistada no canal de notícias Fox News, líder de audiência na TV paga dos Estados Unidos. Ela trabalhou lá durante 12 anos. Em janeiro de 2017, optou por não renovar contrato, já na faixa dos US$ 20 milhões por ano, para se arriscar na TV aberta.

Estreia ruim
A estrela do jornalismo, no entanto, não está indo bem na nova empreitada. A audiência da primeira semana do programa Megyn Kelly Today, que estreou no último dia 25, foi decepcionante e já preocupa os executivos da rede.

Fora isso, ela protagonizou momentos embaraçosos com convidados. A atriz Debra Messing foi promover o retorno da série Will & Grace e ficou "consternada" ao ouvir Megyn contar uma piada sobre uma pessoa se tornar gay depois de assistir à série. Outra saia justa foi criada com Jane Fonda (Grace and Frankie), após a apresentadora fazer uma pergunta sobre as cirurgias plásticas da atriz.

A reação do público foi altamente negativa: muitos telespectadores acreditam que Megyn não tem estilo para ser uma apresentadora de um programa matinal, por ter experiência em fazer diariamente um telejornal noturno de notícias quentes.

O salário de Megyn é o quarto maior da TV norte-americana entre os apresentadores de programas (variedades, realities, talks shows ou telejornais). Ela está na frente da veterana Robin Roberts (da ABC, US$ 18 milhões/ano) e do trio de ferro de apresentadores de talk show (Jimmy Fallon, Stephen Colbert e Jimmy Kimmel).

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

+ Lidas

Bloco de Notas

Projeto morto

Os atores Robert De Niro e Julianne Moore juntos no filme A Família Flynn (2012) - Divulgação/Focus Features A Amazon decidiu não produzir mais projetos com o estúdio Weinstein Company, o que resultou no cancelamento de uma superprodução orçada em US$ 160 milhões (R$ 505 milhões). Protagonizada por Robert De Niro e Julianne ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

Bibi merece redenção em A Força do Querer?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook