Shark Tank Brasil

Participantes de reality show inventam boné que acaba com queda de cabelo

Divulgação/Sony

Os empreendedores Vitor e Álvaro de Oliveira, criadores do boné anti-calvície do Shark Tank - Divulgação/Sony

Os empreendedores Vitor e Álvaro de Oliveira, criadores do boné anti-calvície do Shark Tank

REDAÇÃO - Publicado em 10/08/2017, às 05h53

Você acredita que o simples uso de um boné é capaz de acabar com a queda de cabelo? Dois participantes de reality show tentam provar que isso é possível. No episódio de Shark Tank Brasil que vai ao ar nesta quinta-feira (10) no Canal Sony, os competidores apresentam um produto que promete mudar a vida de boa parte dos carecas.

Álvaro de Oliveira, médico e doutor em engenharia formado pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, fundou ao lado de seu filho, Vitor, uma empresa que desenvolve e comercializa produtos com tecnologia voltada para a saúde. O carro chefe do empreendimento é o Cappelux, um boné todo revestido de luzes de led.

"Para o tratamento de calvície, são 12 minutos diários de uso. O boné não esquenta", explica Vitor para os "tubarões", como são chamados os investidores que avaliam os negócios apresentados no programa.

"Quanto mais cedo a pessoa começa a usar, mais eficiente ele é. Se você já perdeu cabelo há mais de cinco anos, aí não tem como recuperar", pondera Álvaro.

Pai e filho são muito questionados pelos investidores. Nervoso, Vitor se atrapalha durante a apresentação. "A gente contratou um garoto de programa", ele diz, provocando risadas nos tubarões. A expressão que o empreendedor procura é garoto propaganda.

Divulgação/sony

O boné Cappelux, que trata a queda de cabelo com luzes de led e 12 minutos diários de uso

Com cerca de 600 unidades do boné vendidas por mês, a dupla é persistente na tentativa de convencer os empresários "Já tratamos mais de 50 mil pacientes, mas gostaríamos de levar a empresa para milhões de pessoas e melhorar a qualidade de vida delas", declara Álvaro.

Além deles, também se apresentam nesse episódio um ex-piloto de automobilismo que trouxe um simulador de golfe para o Brasil, uma empresária que criou uma linha de brinquedos terapêuticos e um vendedor de champanhe na praia que quer ampliar seu negócio. 

Formato de sucesso em mais de 30 países, Shark Tank está em sua segunda temporada no Brasil. A cada episódio, o programa recebe novos participantes em busca de investimento para suas empreitadas comerciais. O reality show vai ao ar no Canal Sony todas as quintas-feiras, às 20h.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

+ Lidas

Bloco de Notas

Pedofilia em debate

Finn Wolfhard em cena de Stranger Things: ex-agente dele é acusado de assédio - Divulgação/Netflix O ator Finn Wolfhard, o Mike da série Stranger Things, demitiu seu agente, Tyler Grasham, depois que o homem foi acusado de pedofilia e assédio sexual a um cineasta quando este ainda adolescente. Grasham tem ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

O que você achou do final de A Força do Querer?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook