GREG NEWS

Para evitar processos, advogados da HBO supervisionam programa de Duvivier

Divulgação/HBO

Gregorio Duvivier em gravação de seu programa na HBO, o Greg News, que estreia hoje - Divulgação/HBO

Gregorio Duvivier em gravação de seu programa na HBO, o Greg News, que estreia hoje

FERNANDA LOPES - Publicado em 05/05/2017, às 05h19

Por trás do novo programa de Gregorio Duvivier estão oito redatores e os advogados da HBO. No Greg News, que estreia nesta sexta (5), o humorista e escritor terá meia hora para falar sobre política, comportamento e sociedade, em monólogos que fazem graça e exploram o noticiário de cada semana. Os textos, no entanto, sempre passam pela vistoria do departamento jurídico da HBO para evitar qualquer frase que possa ofender alguém e provocar um processo.

"É tudo caso a caso. Tem dia que falam 'em vez de falar isso, fala aquilo'. Estou acostumado, na Folha de S.Paulo [Duvivier é colunista do jornal] também rola isso. Mando a coluna e eles respondem: 'Em vez de dizer que fulano cometeu um crime, escreva que fulano está sendo julgado por um crime'. Não me sinto censurado. Uma coisa é censura porque a emissora não pode falar de um assunto, mas os produtos da HBO se caracterizam muito por uma liberdade artística dos envolvidos. Então é mais pelo ponto de vista de evitar processos", explica Duvivier.

Greg News é o primeiro programa solo do humorista, que já participou de produções da Globo, Record, Fox, Multishow e da própria HBO (ele atuou em Madrake, em 2007). O formato é inspirado em atrações de humoristas e apresentadores norte-americanos consagrados, como John Oliver, Jon Stewart e Bill Maher.

Duvivier conta que as conversas com a HBO para implantar no Brasil esse formato, chamado de comedy news, começaram há cerca de um ano. Ele afirma que não está nervoso nem preocupado com o que vai falar, ou com os processos que pode vir a receber.

"Não tomo muito cuidado com o que eu falo. Tomo cuidado para não mentir, não ter calúnia, injúria, não cometer nenhum crime desse tipo. Mas do ponto de vista de opinião, de coisas que eu acredito, não tenho muito o que temer. No Porta [dos Fundos] a gente teve processo de Marco Feliciano, mas coisas como essa são glórias, né? Sinais de que você está no caminho certo", alfineta.

divulgação/HBO

Duvivier durante o evento de lançamento de Greg News, sua atração de comedy news na HBO

Humor enviesado
Tanto no Porta dos Fundos quanto em suas crônicas e livros, Duvivier nunca escondeu sua afinidade com um pensamento político considerado de esquerda. No Greg News, ele não pretende se neutralizar, pelo contrário. Duvivier deixa claro que seus monólogos serão baseados em apuração e checagem de informações, mas o discurso será sempre de acordo com o seu entendimento do mundo.

"[Greg News] está muito comprometido com a ideologia [de esquerda]. Não acredito em imparcialidade e acho que o jovem já não acredita também. O programa não vai tentar enganar ninguém de que esses são os fatos, porque a gente sabe que não existe um fato sem interpretação. Fazemos uma interpretação dos fatos muito enviesada. Mas claro, a gente vai bater em todos os lados, não vai poupar ninguém por afinidades ideológicas. Se tem uma vantagem hoje no Brasil é que muito dificilmente você vai conseguir poupar alguém", brinca.

"Se tem alguém partidário é humorista de comedy news. Não existe isentão no humor. O oposto do humor é o isentão, o em cima do muro, o medroso. Humor serve [como arma] contra o medo", filosofa Duvivier.

Para se dedicar pelo menos quatro dias da semana ao Greg News (um para gravar, os outros para estudar, redigir e produzir os textos), o humorista deixou de lado outros trabalhos, como o de ator, e se inspirou no estilo de Jô Soares.

Com 20 episódios programados para a primeira temporada, ele afirma que seu maior desafio será se colocar como um "leigo profissional" e gerar dúvidas e reflexões no telespectador.

"Para mim, o problema da sociedade está muito [no fato de que] a gente tem certeza sobre todos os assuntos. Acho que o objetivo é trazer um pouco de dúvida, e para isso nada melhor do que um ignorante profissional. Tem dois perigos quando se fala de temas espinhosos: ser muito especialista, falar muito profundamente e ser chato; ou tentar vulgarizar demais para todo mundo entender e tratar a pessoa como idiota. Vou falar com o telespectador como gostaria que alguém falasse comigo, como um semelhante. Se eu conseguir passar isso, do quão ignorante a gente é, acho que vou ter ganhado uma batalha", acredita.

Greg News será exibido na HBO às sextas-feiras, às 22h.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

+ Lidas

Bloco de Notas

Mais Ozark

O ator Jason Bateman em cena da primeira temporada de Ozark: série renovada - Divulgação/Netflix A série Ozark, estrelada por Jason Bateman e Laura Linney, terá uma segunda temporada. A Netflix confirmou a renovação do drama para uma nova leva de dez episódios, ainda sem previsão de estreia. A produção ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

O que você está achando dos vazamentos de Game of Thrones?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook
Click Click