Amy Schumer

Acusado de vulgar, stand-up de comediante sensação fracassa na Netflix

Reprodução/Netflix

A comediante Amy Schumer abusa das caras e bocas em seu primeiro stand-up para a Netflix - Reprodução/Netflix

A comediante Amy Schumer abusa das caras e bocas em seu primeiro stand-up para a Netflix

JOÃO DA PAZ - Publicado em 15/03/2017, às 18h08

Lançado no último dia 6, o primeiro stand-up da comediante Amy Schumer na Netflix está sendo um fracasso. Telespectadores, tanto dos Estados Unidos quanto do Brasil, deram apenas uma estrela (de cinco) para o especial na área de avaliação do serviço de vídeo por streaming. Recheada de piadas vulgares sobre a vida sexual da humorista, a atração inclui detalhes sobre sua vagina. A palavra mais repetida pelos usuários é "decepcionante".

Amy Schumer contra-atacou as críticas em uma postagem no Instagram publicada nesta quarta (15). Intitulando-se "a primeira comediante que lota arenas ao redor do mundo", Amy afirmou que os comentários negativos são obra de uma ação organizada de pessoas simpatizantes da alt-right (direita alternativa), grupo ultraconservador dos Estados Unidos.

No Brasil, assinantes da Netflix ressaltam a dificuldade de achar alguma piada realmente boa. "Chatíssimo, sem graça. Não consegui passar dos dez minutos", disse um usuário não-identificado na área de comentários da Netflix. Um outro internauta confessou que teve de "forçar para ver até o final".

As opiniões são parecidas com as dos norte-americanos. "Desisti após dez minutos. Me cansei de esperar por uma piada de verdade. Ela apenas estava fazendo barulhos e caretas", disse um internauta. "Sempre torci por ela, mas parece que se perdeu", lamentou um fã.

Amy usa quase todos os 56 minutos do especial para falar de assuntos relacionados a sexo, explorando os detalhes mais grotescos. Dissecou sobre como prefere que seu namorado ejacule em seu corpo e comparou uma masturbação de mulher no homem com "um menino no parque de diversões segurando um sorvete de casquinha derretendo." Há uso excessivo de palavras chulas, como xoxota, boquete e trepar.

Ao longo da carreira, Amy ganhou notoriedade por ser perspicaz ao comentar sobre a vida de uma mulher na casa dos 30 anos, a solteirice e a maternidade, sem se preocupar com o politicamente correto. Porém, seus trabalhos anteriores não foram tão vulgares quanto esse da Netflix.

Aposta
Amy Schumer foi uma grande e importante contratação da Netflix, um dos principais nomes da empresa para representar a linha de stand-up comedy, que tem humoristas de alto nível como Jerry Seinfeld, Louis C.K. e Chris Rock.

Falar de sexo é uma das bandeiras dela desde seu primeiro stand-up, o Amy Schumer: Mostly Sex Stuff (Quase Tudo Sobre Sexo), lançado em 2012, avaliado pelo jornal britânico The Guardian como "comédia de ouro."

No ano seguinte, ela estreou no canal Comedy Central o Inside Amy Schumer, programa de esquetes que alavancou sua carreira. Em quatro temporadas, a atração recebeu 11 indicações ao Emmy e venceu três (direção, música original e melhor programa de variedade ou esquete).

Inside tem como característica abordar problemas sociais, como machismo e desarmamento, e por isso recebeu um Peabody Award, prêmio concedido a atrações ou pessoas que prestam um serviço público relevante. O programa foi renovado para uma quinta temporada, sem data de estreia prevista.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

+ Lidas

Bloco de Notas

Tamanho avião

Emilia Clarke aparece bem pequeninha em cima de Drogon, em imagem de GoT  - Divulgação/HBO Uma das novas fotos da sétima temporada de Game of Thrones mostra como estão grandes os dragões de Daenerys Targaryen (Emilia Clarke). Eles terão o tamanho de um Boeing 747, modelo de avião muito utilizado ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

O que a Globo quer com denúncias contra o presidente Temer?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook