MERCHANDISING POLÍTICO

Cena de Sense8 na Parada Gay de São Paulo tem protesto contra a Globo

Fotos: Divulgação/Reprodução/Netflix

Miguel Ángel Silvestre olha para cartaz anti-Globo em cena gravada na avenida Paulista - Fotos: Divulgação/Reprodução/Netflix

Miguel Ángel Silvestre olha para cartaz anti-Globo em cena gravada na avenida Paulista

JOÃO DA PAZ - Publicado em 05/05/2017, às 05h27

A segunda temporada da série Sense8, que estreia nesta sexta-feira (5) na Netflix, reproduz involuntariamente uma dura crítica à Globo. Em uma cena gravada durante a Parada Gay de São Paulo, no ano passado, aparece várias vezes um cartaz com a palavra "golpe" com o símbolo da Globo no lugar da letra "o".

Na cena, o ator Miguel Ángel Silvestre discursa para uma multidão na avenida Paulista. Seu personagem, um famoso ator de cinema, se assume homossexual publicamente.

Na época da gravação, em maio de 2016, Dilma Rousseff tinha acabado de ser afastada da Presidência da República, em um processo de impeachment. O cartaz acusava a Globo de participar de um "golpe" contra a petista.

Ironicamente, as imagens foram captadas pela produtora O2, parceira da Globo em várias produções, como a série Vade Retro. Procurada, a emissora preferiu não se manifestar.

Série de heróis
Uma das séries mais populares da Netflix no Brasil, Sense8 praticamente vira uma trama de super-heróis na nova temporada. Aposta nos poderes dos oito protagonistas sensates, como são chamados os humanos com habilidades especiais, que se conectam pela mente e se "transportam" para diferentes lugares do planeta, como a Índia, Islândia, Quênia e México.

 

A atriz sul-coreana Doona Bae, que interpreta a economista Sun Bak, luta em cena de Sense8

Eles enfrentam um vilão caricato, típico das animações da Disney, o Senhor Whispers (Terrence Mann), um sensate que trabalha em uma organização que quer acabar justamente com os sensates.

Os protagonistas usam suas habilidades para combater o vilão. Lito, o personagem de Miguel Ángel Silvestre, aparece sempre que algum parceiro precisa mentir. O bandido alemão Wolfgang Bogdanow (Max Riemelt) colabora com a força, enquanto a sul-coreana Sun Bak (Doona Bae) se apresenta como exímia lutadora. A inteligência é o "poder" do policial norte-americano Will Gorski (Brian J. Smith).

Com um inimigo bem definido e os personagens já conhecidos do público, a segunda temporada pega fogo logo no início, diferentemente da primeira leva de episódios, criticada pela lentidão. 

Pouco sexo
Logo nos primeiros minutos da primeira temporada de Sense8, o telespectador viu uma cinta peniana, melada, voando após ser usada por duas lésbicas. Era uma amostra do que viria pela frente: muita nudez e orgias entre os sensates. Isso chocou muita gente.

Já a segunda temporada tem bem menos sexo. As transas e a nudez não são gratuitas e têm importância dentro da trama e do desenvolvimento dos personagens. O primeiro nu (de uma mulher) só surge na metade do quarto episódio. Sexo, só no quinto.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

Notícias da TV Recomenda

It: A Coisa

It: A Coisa

Ficha técnica: It. Terror. EUA, 2017, 135 min. Direção: Andy Muschietti. Elenco: Bill Skarsgård, Jaeden Lieberher, Finn Wolfhard, Sophia Lillis. Disponível no Now.

Sinopse: Na pequena cidade de Derry, crianças começam a desaparecer misteriosamente, deixando para trás apenas um rastro de sangue. Sete crianças acostumadas a sofrer bullying dos valentões locais se unem para investigar o caso e acabam se deparando com um palhaço demoníaco, Pennywise (Skarsgård).

Por que assistir: Baseado em um livro clássico do rei do terror, Stephen King, It: A Coisa se tornou o filme do gênero mais visto dos cinemas na história, com mais de US$ 690 milhões (R$ 2,2 bilhões) nas bilheterias do mundo todo. O longa também foi indicado a prêmios especializados no gênero terror e recebeu elogios por seu elenco infantil, repleto de promessas (inclusive Finn Wolfhard, o Mike de Stranger Things).

Assista agora no NOW

+ Lidas

Bloco de Notas

Fim da linha

A humorista Maria Bamford em cena da comédia surreal Lady Dynamite, da Netflix - Divulgação/Netflix A Netflix anunciou neste sábado o cancelamento da série Lady Dynamite, que teve duas temporadas produzidas pela plataforma de streaming. Baseada na vida real da comediante Maria Bamford (que também estrela a série), Lady Dynamite ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

Mais um BBB vem por aí e...

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook