MERCHANDISING POLÍTICO

Cena de Sense8 na Parada Gay de São Paulo tem protesto contra a Globo

Fotos: Divulgação/Reprodução/Netflix

Miguel Ángel Silvestre olha para cartaz anti-Globo em cena gravada na avenida Paulista - Fotos: Divulgação/Reprodução/Netflix

Miguel Ángel Silvestre olha para cartaz anti-Globo em cena gravada na avenida Paulista

JOÃO DA PAZ - Publicado em 05/05/2017, às 05h27

A segunda temporada da série Sense8, que estreia nesta sexta-feira (5) na Netflix, reproduz involuntariamente uma dura crítica à Globo. Em uma cena gravada durante a Parada Gay de São Paulo, no ano passado, aparece várias vezes um cartaz com a palavra "golpe" com o símbolo da Globo no lugar da letra "o".

Na cena, o ator Miguel Ángel Silvestre discursa para uma multidão na avenida Paulista. Seu personagem, um famoso ator de cinema, se assume homossexual publicamente.

Na época da gravação, em maio de 2016, Dilma Rousseff tinha acabado de ser afastada da Presidência da República, em um processo de impeachment. O cartaz acusava a Globo de participar de um "golpe" contra a petista.

Ironicamente, as imagens foram captadas pela produtora O2, parceira da Globo em várias produções, como a série Vade Retro. Procurada, a emissora preferiu não se manifestar.

Série de heróis
Uma das séries mais populares da Netflix no Brasil, Sense8 praticamente vira uma trama de super-heróis na nova temporada. Aposta nos poderes dos oito protagonistas sensates, como são chamados os humanos com habilidades especiais, que se conectam pela mente e se "transportam" para diferentes lugares do planeta, como a Índia, Islândia, Quênia e México.

 

A atriz sul-coreana Doona Bae, que interpreta a economista Sun Bak, luta em cena de Sense8

Eles enfrentam um vilão caricato, típico das animações da Disney, o Senhor Whispers (Terrence Mann), um sensate que trabalha em uma organização que quer acabar justamente com os sensates.

Os protagonistas usam suas habilidades para combater o vilão. Lito, o personagem de Miguel Ángel Silvestre, aparece sempre que algum parceiro precisa mentir. O bandido alemão Wolfgang Bogdanow (Max Riemelt) colabora com a força, enquanto a sul-coreana Sun Bak (Doona Bae) se apresenta como exímia lutadora. A inteligência é o "poder" do policial norte-americano Will Gorski (Brian J. Smith).

Com um inimigo bem definido e os personagens já conhecidos do público, a segunda temporada pega fogo logo no início, diferentemente da primeira leva de episódios, criticada pela lentidão. 

Pouco sexo
Logo nos primeiros minutos da primeira temporada de Sense8, o telespectador viu uma cinta peniana, melada, voando após ser usada por duas lésbicas. Era uma amostra do que viria pela frente: muita nudez e orgias entre os sensates. Isso chocou muita gente.

Já a segunda temporada tem bem menos sexo. As transas e a nudez não são gratuitas e têm importância dentro da trama e do desenvolvimento dos personagens. O primeiro nu (de uma mulher) só surge na metade do quarto episódio. Sexo, só no quinto.

 

 

Enquete

O que você está achando de Segundo Sol?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook