Moonlight

Jay-Z recria Friends com negros e dá tapa na cara de séries embranquecidas

Imgens: Reprodução

Seis atores negros recriam cena de abertura de Friends em novo clipe do rapper Jay-Z - Imgens: Reprodução

Seis atores negros recriam cena de abertura de Friends em novo clipe do rapper Jay-Z

JOÃO DA PAZ - Publicado em 13/08/2017, às 07h34

Há uma semana, o rapper Jay-Z lançou o provocativo clipe de Moonlight, faixa do seu 13º álbum de estúdio, 4:44. Nele, uma cena clássica de Friends é recriada com atores negros interpretando o sexteto original, composto só de brancos. O vídeo critica as séries embranquecidas da TV que, assim como Friends, não dão destaque a personagens negros.

Há duas dicas para entender a mensagem transmitida por Jay-Z e pelo diretor do clipe, Allan Yang (de Master of None). O primeiro ponto é um comentário que o comediante Hannibal Buress (Broad City) faz da paródia, em conversa com o ator Jerrod Carmichael após uma pausa na filmagem _Carmichael interpreta Ross.

O ator pergunta a Buress o que ele achou da cena, pedindo 100% de honestidade. O comediante responde, sem hesitar: "Um lixo! Está horrível, cara. É um episódio de Seinfeld com pessoas negras. Quem pediu por isso?"

Carmichael tenta se justificar ao dizer que achou a boa subversiva. "Você subverteu uma boa comédia, isso sim. O que você vai fazer depois, Três É Demais com negros? Family Ties?", provoca Buress.

Outra dica importante está na letra da música. O refrão diz: "Estamos presos em La La Land / Mesmo se ganharmos, nós perdemos".

São referências ao mico do Oscar deste ano, quando o musical La La Land foi anunciado como o vencedor do prêmio de melhor filme, mas depois houve uma correção e a estatueta foi entregue ao verdadeiro ganhador, Moonlight, que dá nome ao clipe e à música.

Apesar da vitória histórica de Moonlight, longa de baixo orçamento e protagonizado por atores negros, fala-se mais da gafe e de La La Land, produção cara e com elenco predominantemente branco. La La Land custou 20 vezes mais que Moonlight.

Fazer que atores negros reproduzam uma cena de Friends, comédia criticada por apresentar negros apenas como figurantes, em papéis como bombeiros e estagiários, receberá elogios momentâneos pela ousadia, mas não esconderá o problema das séries citadas no clipe, e de outras no ar atualmente, como The Big Bang Theory, que não representam negros na história de uma maneira coerente. 

Os atores Jerrod Carmichael e Issa Rae interpretam Ross e Rachel, o famoso casal de Friends 

Elenco de peso
Atores conhecidos do público participam do clipe de Jay-Z. Lil Rel Howery (de Corra!) faz Joey; Lakeith Stanfield (Atlanta) interpreta Chandler; Jerrod Carmichael (The Carmichael Show) é Ross; Issa Rae (Insecure) vive Rachel; Tiffany Haddish (The Carmichael Show) atua como Phoebe; e Tessa Thompson (Westworld) é Monica.

A cena refeita é do episódio The One Where No One's Ready (Aquele no Qual Ninguém Está Pronto), o segundo da terceira temporada, um clássico da série. Nele, Ross (David Schwimmer) fica inquieto por ver que seus amigos estão enrolando para ficarem arrumados e irem a um importante evento no museu em que trabalha.

A abertura da série também foi recriada pelos atores convidados, com uma única diferença. A trilha sonora utilizada foi a música Friends, do grupo de rap Whodini, lançada em 1984. Na vinheta original, a canção tocada é a icônica I'll Be There For You, da banda The Rembrandts.

Veja o clipe Moonlight:

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

 

Notícias da TV Recomenda

Esquadrão Bizarro

Esquadrão Bizarro

Ficha técnica: Série, EUA/Canadá, 2014. Criação: Tim McKeon, Adam Peltzman. Elenco: Dalila Bela, Filip Geljo, Millie Davis, Anna Cathcart e Isaac Kragten. Disponível no Gloob Play e no Now.

Sinopse: O Esquadrão Bizarro é uma organização formada por agentes pré-adolescentes que resolvem problemas peculiares sempre usando conhecimentos e habilidades de matemática. Eles também frequentam um laboratório e usam equipamentos supertecnológicos criados por cientistas durante suas investigações.

Por que assistir: Os episódios de cerca de dez minutos sempre apresentam casos diferentes e criativos que prendem a atenção dos pequenos telespectadores, como de pessoas sugadas por um videogame ou de um agente que se transforma em sofá. Premiada por melhor performance de atores infantis, direção, figurino e maquiagem pelo Daytime Emmy Awards, a atração é um sucesso internacional.

Assista agora no NOW

+ Lidas

Bloco de Notas

Amor acaba

Gillian Jacobs e Paul Rust em Love; comédia termina com a terceira temporada - Divulgação/Netflix A terceira temporada de Love será a última. A comédia da Netflix, do showrunner Judd Apatow (Girls), retornará com novos episódios em 9 de março, com a oportunidade de dar um desfecho apropriado à história ... Leia +

Leia todas as notas

Enquete

Quem você gostaria que substituísse Cátia Fonseca no Mulheres?

Redes sociais

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook
Fechar